Monte seu e-commerce e divulgue sua marca no Terra

Tenista australiano testa positivo para Covid-19 dois dias após jogar com sintomas

Bernard Tomic havia dado negativo em exame antígeno realizado por ele mesmo, mas desconfiava da infecção

13 jan 2022 12h36
Compartilhar

O polêmico australiano Bernard Tomic, ex-top 17 e atual 257º da ATP, teve resultado positivo para seu teste de COVID-19, apenas dois dias após afirmar à arbitra de cadeira de seu jogo pelo qualificatório do Australian Open que estaria com a doença.

Bernardo Tomic em ação na Austrália (Divulgação)
Bernardo Tomic em ação na Austrália (Divulgação)
Foto: Lance!

Na última terça-feira, 11 de janeiro, Tomic criticou a organização do Australian Open durante sua partida contra o russo Roman Safiulli. Num momento de explosão de Tomic, o tenista aguardava a chegada do fisioterapeuta do torneio para tratá-lo de uma lesão: "Eu tenho certeza que daqui uns 3 dias eu vou dar positivo para COVID-19. Se eu não der, vou te pagar um jantar, se eu der, vc é quem paga", tentou apostar.

Publicidade

O tenista criticou os protocolos de segurança sanitária impostos pela Tennis Australia (federação local), que determina que os tenistas devem fazer autotestes em seus quartos e dando resultado 'negativo' podem sair, treinar e viver uma vida social normal na Austrália, dentro das regras de circulação no país. Tomic ainda criticou a ausência de testagem de tempos em tempos com PCRs.

Tomic, que foi eliminado por Safiulli no quali, testou positivo nesta quinta-feira e falou ao The Sidney Morning Herald como está sua situação: "Estou me sentindo muito doente. Sinto que estou pior mental do que fisicamente porque estava muito motivado para retornar e mostrar ao público australiano que posso ser o tenista que esperam que eu seja. Estou desiludido porque este vírus me impediu de fazer isso."

Fique por dentro das principais notícias
Ativar notificações