PUBLICIDADE

Faça um delicioso quibe vegano com abóbora assada

Esse quibe é perfeito para levar a uma festa, churrasco ou confraternizações, além de saboroso, não leva nada de origem animal

21 fev 2023 - 16h12
(atualizado às 23h34)
Compartilhar
Exibir comentários
Foto: CanvaPro

Veganos há mais de 5 anos, sabemos que é na hora que recebemos o convite para uma festa, ou um churrasco que pensamos ‘’o que vou comer?’’

Aí entramos na internet e nos deparamos com centenas de receitas veganas, mas a maioria com ingredientes difíceis de encontrar ou muito caros, nos desmotiva e em alguns casos temos que lidar com pão e vinagrete.

Mas a coluna da 'Vepê' aqui no 'Visão do Corre' tem um objetivo claro, facilitar as coisas para quem tem a vida turbulenta e geralmente mora distante do centro e das opções variadas. Sempre adaptamos as receitas para a nossa realidade, hoje moramos na região do Campo Grande em Campinas, há quase 30 km do centro da cidade (onde encontramos variedades de alimentos).

RECEITA: 

INGREDIENTES:

2 xícaras de trigo para quibe 

2 xícaras de abóbora

1 cebola média

3 dentes de alho 

Salsinha e cebolinha a gosto 

Hortelã a gosto 

Sal 

½ colher rasa de chá de cominho

Pimenta-preta a gosto

Gengibre em pó (opcional) 

Se liga no modo de preparo: 

1. Hidrate o trigo em água quente durante 1h (não tem necessidade de espremer)

2. Enquanto o trigo para quibe hidrata, pique a cebola, a salsinha e separe os temperos

3. Ainda enquanto o trigo hidrata, leve a abóbora cortada em cubos para assar a 200 C por 20 minutos ou até dourar e ficar mole. 

4. Com o trigo hidratado e a abóbora assada, pode misturar todos os ingredientes e mexer bem, até formar uma massa modelável.

5. Depois é só esquentar uma panela com óleo para fritar

Não é conselho, é visão:

Para evitar a imersão de óleo (sendo a única forma de consumir colesterol com uma alimentação vegana) você pode colocar na Air Fryer ou assar a massa inteira em uma assadeira retangular.

Todos os temperos da receita são opcionais, você pode fazer mesmo que não tenha os temperos em casa, nada impede que você faça.

Geralmente conhecemos apenas a farinha branca (que utilizamos em bolos, pastéis, salgados e pães), mas essa é apenas uma forma de trigo, existem várias outras formas de consumir e utilizar o trigo, como o trigo em grão, trigo integral, e o próprio trigo para quibe. 

No processo de produção do trigo, a maior parte da farinha é refinada, mais da metade da vitamina B1, B2, B3, E, ácido fólico, cálcio, fósforo, zinco, cobre, ferro e fibra são perdidos. Não é por frescura que o trigo integral e as formas menos processadas (que é o caso do trigo para quibe) estão cada vez mais populares, mas por consciência e acesso à informação.

Vegano Periférico Leonardo e Eduardo dos Santos são irmãos gêmeos, nascidos e criados na periferia de Campinas, interior de São Paulo. São midiativistas da Vegano Periférico, um movimento e coletivo que começou como uma conta do Instagram em outubro de 2017. Atuam pelos direitos humanos e direitos animais por meio da luta inclusiva e acessível, e nos seus canais de comunicação abordam temas como autonomia alimentar, reforma agrária, justiça social e meio ambiente.
Compartilhar
Publicidade
Publicidade