PUBLICIDADE

Aprenda a fazer uma batatalhoada vegana para a ceia de Natal

O natal está chegando, e quem não consome nada de origem animal vai fazer o quê?

13 dez 2022 - 07h58
Compartilhar
Exibir comentários
Foto: Vegano Periférico

Nosso primeiro natal sem nada de origem animal foi bem complicado. Nós não sabíamos muito bem o que iríamos comer, e a família sempre fazia os preparos da ceia com ingredientes de origem animal. Absolutamente tudo tinha carne, leite, ovos, queijo, entre outros derivados.

Com o passar dos anos, e com acesso à internet se tornando cada vez mais popular,  diversas redes sociais, blogs e sites viabilizaram o acesso a centenas de receitas veganas, de todas as formas, e até com gosto e textura de carne e queijo é possível encontrar.

Recentemente fizemos essa batatalhoada e ficou sensacional, inacreditável. É simples e muito prática de fazer, mas o melhor de tudo é que o ingrediente principal todo mundo tem sempre em casa: a batata.

Vem com nóis.

Ingredientes:

6 batatas médias

3 tomates

2 cebolas grandes

1 pimentão vermelho

1 pimentão amarelo 

1 folha de alga nori 

Azeitonas a gosto

1 Limão

Sal e pimenta-do-reino a gosto

Óleo ou azeite

Se liga no preparo:

1. Corte as batatas, os pimentões e as cebolas em rodela de mais ou menos 0,5 centímetro

2. Leve a batata para cozinhar por no máximo 6 minutos e vai olhando para não passar muito, ela precisa estar com uma textura mais firme

3. Pique a alga nori- você pode fazer isso rasgando as folhas com as mãos, cortando com tesoura ou até mesmo batendo ela no processador

4. Assim que a batata cozinhar, transfira para uma tigela e coloque um pouco da alga picada, misture bem e reserve

5. Junte os pimentões com a cebola e tempere com sal, pimenta, salsinha e limão, e se quiser pode colocar alga também 

6. Para montar, pegue uma forma e unte com óleo ou azeite e vai intercalando as batatas, os pimentões, os tomates e a cebola- o importante é formar camadas

7. Espalhe as azeitonas e regue com azeite ou óleo  

8. Leve ao forno entre 30 e 40 minutos a 220°C ou até assar todos os legumes 

9. Espera esfriar um pouco e está pronto

Se liga: 

A alga cumpre a função de trazer um sabor de mar/peixe, o que para muita gente é essencial, porque mexe na memória afetiva e sacia não apenas o paladar.

Recomendamos comprar alga em armazéns ou mercados municipais, comprar em supermercados fica inviável para muita gente, inclusive para nós. 

Se não tiver alga não precisa usar.

Se você não tiver acesso a pimentão, pode usar outros legumes no lugar, não tem problema nenhum. Já fizemos sem pimentão e deu certo também.

Se quiser acrescentar palmito nessa receita, é só intercalar o palmito junto com os outros legumes

Vegano Periférico Leonardo e Eduardo dos Santos são irmãos gêmeos, nascidos e criados na periferia de Campinas, interior de São Paulo. São midiativistas da Vegano Periférico, um movimento e coletivo que começou como uma conta do Instagram em outubro de 2017. Atuam pelos direitos humanos e direitos animais por meio da luta inclusiva e acessível, e nos seus canais de comunicação abordam temas como autonomia alimentar, reforma agrária, justiça social e meio ambiente.
Compartilhar
Publicidade
Publicidade