PUBLICIDADE

Curso online ensina participar da Lei Rouanet das Favelas

Não é necessário fazer inscrição para participar da oficina online. Projetos devem ser apresentados até 1 de março

25 fev 2024 - 05h00
Compartilhar
Exibir comentários
Resumo
Curso ensina a burocracia de inscrição de projetos na Lei Rouanet das Favelas. Haverá explicações sobre o edital e o Sistema de Apoio às Leis de Incentivo à Cultura (Salic) e será possível fazer perguntas para os palestrantes.
Fomento de R$ 5 milhões é destinado a manifestações culturais de periferia, como hip hop
Fomento de R$ 5 milhões é destinado a manifestações culturais de periferia, como hip hop
Foto: José Cruz/AB

Com as inscrições de projetos na Lei Rouanet das Favelas prestes a serem encerradas, ainda dá tempo de aprender a burocracia, sobretudo pessoas interessadas de Belém, Fortaleza, Salvador e Goiânia, capitais para as quais estão direcionados R$ 5 milhões. A oficina online acontece amanhã, dia 26 de fevereiro.

O fomento está direcionado também às regiões metropolitanas dessas cidades, mas qualquer interessado pode participar das aulas. Elas serão transmitidas ao

vivo no no canal do MinC no Youtube, em dois horários: 14h às 17h e 19h às 22h.

Haverá explicações sobre o edital e o Sistema de Apoio às Leis de Incentivo à Cultura (Salic) e será possível fazer perguntas para os palestrantes.

Prorrogado uma vez, o período de inscrições para o Programa Rouanet nas Favelas termina no dia 1º de março, às 23h59, quando o sistema utilizado para a inclusão de propostas será fechado. 

Pode se inscrever qualquer pessoa física ou jurídica, com ou sem fins lucrativos, residente ou sediada nos territórios de favela das cidades contempladas, e respectivas regiões metropolitanas

Serão selecionados, no mínimo, 25 projetos, divididos entre os segmentos de artes cênicas, humanidades, música e artes visuais. 

O Edital terá vigência de 24 meses, a partir da publicação e homologação do resultado, podendo ser prorrogado uma única vez, por igual período. 

As propostas devem prever o início de execução entre 01/09/2024 e 30/12/2025.

Fonte: Marcos Zibordi Colunista do Visão do Corre
Compartilhar
Publicidade
Publicidade