1 evento ao vivo

Deborah Secco estreia visual novo na passarela do SPFW

22 out 2018
19h30
atualizado às 19h57
  • separator
  • comentários

Depois de cortar os cabelos no capítulo de sábado (20) de "Segundo Sol", Deborah Secco estreou o visual joãozinho nesta segunda-feira (22) na passarela de uma grife estreante no SPFW. A Torinno é do diretor criativo Luis Fiod, que tem 20 anos como stylist e parcerias com marcas como Animale entre outras.

Deborah Secco e Marlon Teixeira (Fotos: Francisco Cepeda/AgNews)
Deborah Secco e Marlon Teixeira (Fotos: Francisco Cepeda/AgNews)
Foto: Elas no Tapete Vermelho

Tudo a ver com esse novo look da atriz, uma vez que a grife, lançada no ano passado, é masculina, mas tem uma atitude genderless (sem gênero). Quem abriu o desfile foi o top Marlon Teixeira, com um conjunto bege, de calça de alfaiataria e parka. Deborah Secco entrou quase no fim do desfile com look curto preto, com vestido e jaqueta com aspecto de vinil. E Marlon encerrou a apresentação com calça e jaqueta estampada em tons de verde.

A grife de Luis Fiod aposta no couro, em tecidos de algodão mais pesados e também nos que lembram seda, em bermudas, calças e jaquetas, muitas do modelo bomber. O conforto pede passagem, com modelagens que são nem justas nem largas, mas que vestem os homens - e as mulheres - de forma moderna, sem abrir mão do estilo.

Foram vários looks masculinos e alguns femininos, como o desfilado por Angélica Erthal: um vestido de malha transparente azul. Aliás, depois dos beges do início, azuis, verdes, mostarda, laranja e preto também surgiram na passarela.

Marca

Boas novas do diretor criativo Luis Fiod: ele reúne seus 20 anos de experiência como stylist e parcerias criativa em diversas coleções para agora lançar sua própria marca, batizada de Torinno. "Vejo um gap nas coleções masculinas de peças importantes em materiais de qualidade com preços justos", resume.

A coleção de estreia tem no couro o carro-chefe, coordenado com tricôs e peças de seda estampada, todos amarrados no tema Art Déco. Enquanto uma camisa pode ter dois tons de cinza casados com verde seladon, a seda estampada traz mandalas déco localizadas que compõem looks mais elaborados. Detalhes esportivos como cadarços, capuzes e elásticos descontextualizam o couro do universo tradicional e provocam um novo jeito de vestir.

Elas no Tapete Vermelho

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade