PUBLICIDADE

Bruna Marquezine posa de blusa transparente para o Dia da Mães

28 abr 2021
0comentários
Publicidade

As campanhas do Dia das Mães estão a todo vapor com muitas famosas estrelando. Bruna Marquezine é uma delas. Apesar de não ser mãe, é garota-propaganda da marca de roupa íntima italiana Intimissimi. Por isso, posou para a data com um peça neutra, básica e que pode combinar com vários looks, com um toque transparente.

Bruna Marquezine
Bruna Marquezine
Foto: Reprodução/Instagram/@brunamarquezine / Elas no Tapete Vermelho

Trata-se de uma peça branca com a malha chamada "Ultralight with Cashmere". A própria Bruna comentou na legenda da foto da parceria com a marca. "O outono chegou e com ele aquela vontade de ficar super confortável com o toque ultraleve e caimento perfeito." A blusa custa R$ 179 e tem 21 opções de cores.

#ficaadica1 - Na produção, ela usa sutiã branco, deixando em evidência a transparência. Para quem não quer que a lingerie fique à vista, a dica é usar em cor marrom ou exatamente da cor de sua pele. Bege mais claro pode aparecer também.

#ficaadica2 - Blusa leve, com toque macio, é ótima opção para compor looks em dias mais frios, por baixo de outras peças, para tirar casacos e tricôs em ambientes mais quentes.

#ficaadica3 - Peças como essas são fundamentais para levar em bagagens de viagens em que a temperatura esteja indecisa. Pode compor looks com os mais variados acessórios e complementos.

#ficaadica4 - Bruna usa a blusa branca, mas opções coloridas e a preta também são opções ideais para servirem como base de looks.

Camiseta branca

Bruna Marquezine
Bruna Marquezine
Foto: Rowan Papier/Divulgação/Instimíssimi / Elas no Tapete Vermelho

Bruna também já estrelou campanha para a marca com camisetas brancas de formatos diferentes. A regata com alças largas; a blusa com decote canoa e mangas três quartos; e a camiseta básica, com bolso frontal e modelo alongado, que pode ser usada com calça comprida, como ela fez, como vestido curto, como camisola, ou como sua imaginação pedir.

História

Nascida como uma roupa de baixo, a camiseta tornou-se parte do vestuário masculino casual no século 19, mas sempre foi usada como peça debaixo, peça íntima, para proteção contra frio. "Eram usadas por baixo dos uniformes militares ingleses durante a Primeira Guerra e, segundo conta-se, os americanos gostaram da ideia e a levaram para os Estados Unidos. Mas quem colocou as chamada t-shirts (o nome vem da forma da letra T) como protagonistas do look foram os atores  Marlon Brando, que usava a peça para destacar seus músculos em "Um Bonde Chamado Desejo" (1951), e James Dean, como símbolo da rebeldia em "Juventude Transviada" (1955)". O trecho é do  livro "101 Segredos para se Vestir Sem Erro no Trabalho".   E, sim, a camiseta branca pode entrar desde um look informal a uma produção de trabalho.

Elas no Tapete Vermelho
Publicidade
Publicidade