Roupas de cama e banho: você sabe como conservá-las?

Lençóis, toalhas e roupões devem permanecer sempre limpos para o conforto e saúde

6 nov 2017
15h26
atualizado às 15h28

Poucas coisas são mais reconfortantes do que sair de um banho relaxante e se enrolar numa toalha fofinha ou deitar no colchão com uma roupa de cama cheirosa e confortável. Para ter essas experiências, vale dar atenção a esses itens, seja na hora de lavar, na quantidade de vezes que se deve usá-los ou mesmo como guardar.

Toalhas e lençóis exigem cuidados na hora de lavar e guardar
Toalhas e lençóis exigem cuidados na hora de lavar e guardar
Foto: Shutterstock

A começar pelas roupas de cama, o primeiro cuidado é saber quanto tempo você pode usá-las sem trocar, e aí, valem dois fatores. O primeiro é o bom senso, ou seja, se você já percebe que ela está suja, troque. Mas se quiser marcar o tempo, uma boa é substituir os lençóis e fronhas uma vez por semana, até para evitar ácaros.

Já as toalhas de banho e os roupões pedem um espaço mais curto. Você pode trocá-las duas vezes por semana. No período em que eles estiverem em uso, é importante lembrar de estendê-los em áreas arejadas. Sabe aquela mania de deixar a toalha pendurada no banheiro? Esqueça, pois além de ser um ambiente úmido, ela fica exposta a coliformes fecais.

Cuidados ao lavar
As dicas para lavar tanto roupas de cama quanto toalhas e roupões são bastante parecidas. A primeira delas é algo básico, mas que muita gente esquece: leia a etiqueta. Nela costumam ser impressas instruções de lavagem. Além disso, valem duas regrinhas básicas Primeiro, não misture peças brancas com coloridas, para não manchar. Segundo, evite misturar tecidos na máquina, tanto porque alguns precisam de modos de lavagem específicos, quanto porque a mistura pode causar bolinhas ou outros danos aos mais delicados.

Secar as roupas também pede cuidados, como dar uma boa sacudida antes de pendurá-los. Outra dica é estendê-las o mais abertos possível no varal, que deve ficar em uma área bem ventilada. E caso estenda-os no sol, lembre-se de recolher assim que estiverem secos, pois as roupas esturricadas podem ficar mais “duras”, e no caso dos roupões e toalhas, ásperas.

Como guardar
Uma dúvida que pode passar por sua cabeça é se você deve ou não passar as roupas de cama antes de guardar. Apesar de não ser obrigatório, você pode sim passá-las, principalmente os lençóis usados por crianças pequenas. Depois, dobre tudo e guarde no armário ou em um baú, separados em pilhas que podem ser de cada tipo de item (fronhas, lençóis de baixo e de cima) ou pelos jogos.

Também vale colocá-los em uma ordem que garanta a rotatividade. Por exemplo, se você lavou um conjunto de lençóis, guarde-os atrás dos outros, para evitar que você pegue sempre o mesmo jogo na hora de arrumar a cama.

Já as toalhas e roupões não devem ser passados com ferro a vapor, para evitar a umidade. E é pelo mesmo motivo que se deve armazená-los em locais arejados, sem contato com alvenaria e, claro, evitar o banheiro. Se guardar numa cômoda, você pode fazer rolinhos posicionados lado a lado. Se for num armário, dobre-as e empilhe.

Com essas dicas, suas roupas de cama e banho estarão sempre cheirosas e bem cuidadas!

Fonte: CA

compartilhe

publicidade
publicidade