Confira um passo a passo para limpar o aquário do seu peixe

Manter a água limpa e livre de resíduos é importante para a saúde dos animais

10 nov 2017
08h00
atualizado às 09h18
  • separator

Limpar o aquário é essencial para a saúde dos peixes. Com o acúmulo de resíduos e algas, a quantidade de oxigênio disponível na água pode diminuir, dificultando a respiração dos animais.

 

Em geral, fazer a limpeza uma vez por semana é suficiente para manter o ambiente aquático saudável, mas é bacana conversar com um especialista da pet shop para saber a frequência ideal e os cuidados com a espécie de peixe que você tiver em casa. 

Algas e detritos maiores podem ser removidos antes da troca de água
Algas e detritos maiores podem ser removidos antes da troca de água
Foto: Shutterstock

Siga nosso passo a passo para limpar o seu aquário:

1 - Verifique o pH da água
As lojas especializadas em aquários vendem kits bem práticos para medir o pH da água. Essa verificação é importante para saber se o ambiente aquático está adequado. Algumas espécies preferem águas mais ácidas, enquanto outras vivem melhor em águas alcalinas. É importante conhecer bem seu peixe para não causar danos a ele.

2 - Trate a água que será colocada no aquário
A água do aquário precisa estar tratada e livre de cloro e outras substâncias químicas (solventes, produtos de limpeza) que podem causar danos à saúde dos peixes, deixando-os agitados, letárgicos, e até mesmo sem apetite. Por isso, é preciso tratar a água da torneira antes de colocá-la no aquário. Na pet shop, você consegue adquirir um kit específico para esse processo. O ideal é deixar os produtos agirem de um dia para o outro.

3 - Raspe as algas
Antes de trocar a água, use um raspador de algas para retirar essas plantas das paredes do aquário e da superfície da água. Vale também recolher resíduos maiores da água com uma rede.

4 - Remova a água
Para deixar sua tarefa mais simples, use um sifão para trocar a água. Há diversos modelos no mercado, alguns deles bem em conta, e você não precisa retirar os peixes do aquário. O sifão fica ligado a um balde e suga a água aos poucos. O ideal é trocar de 20% a 25% da água. Lembre-se de posicionar o sifão perto dos cascalhos para que ele retire a sujeira acumulada no fundo.

5 - Coloque a água tratada
Depois de remover parte da água do aquário, use o sifão para colocar o líquido tratado. Cuidado para não espalhar os cascalhos do fundo ou mover as plantas. Outro cuidado é com a temperatura: ela deve estar semelhante à temperatura do aquário, já que o choque térmico pode causar estresse nos peixes.

6 - Verifique o pH da água novamente 
Ao fim do processo, é importante checar o pH novamente, para verificar se as condições do aquário continuam adequadas para os peixes.

Não quero usar o sifão, como posso limpar?
O processo é muito parecido, mas, nesse caso, você terá que retirar os peixes do aquário para trocar a água. Use uma rede para colocá-los em outro recipiente que não tenha sido lavado com sabão, pois o sabão também é prejudicial aos animais. Depois de retirar parte do líquido do aquário, acrescente a água tratada e coloque os peixes novamente.

Veja outras dicas para limpar o aquário:
- Nunca utilize produtos químicos ou abrasivos para limpar o aquário;
- Utilize CIF Vidros para limpar a parte externa do aquário; 
- Não deixe o aquário exposto à luz do sol; isso aumenta a proliferação de algas, o que pode fazer com que você tenha que limpar o aquário mais vezes;
- Tenha materiais específicos para essa tarefa, e os deixe guardados em uma caixa etiquetada.

Veja também:

Fonte: CA
publicidade