Confira seis dicas para escolher a cortina da sala

Objeto de decoração também ajuda a manter o ambiente protegido

21 dez 2017
08h00

Além de decorativas, as cortinas são muito úteis em uma sala. Seja pela privacidade ou para proteger móveis dos raios do sol, elas dão um toque especial no ambiente. Confira dicas para escolher o modelo certo para a sua casa:

De vários estilos e modelos, cortinas podem dar charme ao ambiente
De vários estilos e modelos, cortinas podem dar charme ao ambiente
Foto: Shutterstock

1 – Para o sol não passar
Se você mora em uma casa ou apartamento onde o sol forte bate na sala durante um período muito longo do dia, é interessante apostar em uma cortina corta luz, as conhecidas como blackout. Além de não deixar passar a iluminação, elas ainda são boas para cidades quentes, pois impedem que parte do calor da rua entre no ambiente.

2 – De olho na praticidade
Procura uma cortina sóbria e prática? As persianas verticais são indicadas. Seu sistema para abrir e fechar, além da possibilidade de ajustes, adiciona praticidade. Confira apenas se ela combina com o ambiente.

3 – Cuidado com a cor
Esse é um ponto que pode deixar o visual perfeito ou comprometer todo o conjunto. Se quiser cortina colorida, é importante estar atento para ela combinar ou fazer o contraste correto com os móveis e a parede. As cores neutras são coringas, pois sem encaixam em quase tudo, assim como as claras, que também ajudam a dar profundidade ao espaço.

4 – Tamanho é documento

Antes de comprar a cortina, tire as medidas da janela que ela cobrirá, mas sempre lembre que é preciso tirar medidas mais amplas. Na altura é necessário levar em conta a parte que ficará presa na haste de correr. Já nas laterais é bom acrescentar alguns centímetros extras de cada lado, cerca de 15cm, para garantir que ela cobrirá tudo.

5 – Simples ou composta?
Se você não quer muito trabalho ou procura um ambiente mais clean, pode apostar nas simples, com apenas um tecido. Há também a opção de combinar tecidos em uma cortina dupla, com um voil, mais transparente, e outro mais grosso, e brincar com as cores para criar um efeito diferente e elegante.

6 – Não esqueça da limpeza
As cortinas também precisam entrar na faxina. Quando elas são de tecidos mais simples, como algodão, dá para lavar em casa mesmo. Outros, como seda ou veludo, o ideal é mandar para uma lavanderia. Já as persianas você pode passar um aspirador de pó com a boca de escova, mas elas também podem ser lavadas por empresas especializadas.

Fonte: CA
publicidade