PUBLICIDADE

Se mal aplicada, cola de lace pode causar danos permanentes ao cabelo natural

Dermatologista explica que produtos podem causar alopecia de tração de usados incorretamente; veja como evitar problemas

11 jun 2024 - 05h00
Compartilhar
Exibir comentários
Resumo
O uso de perucas lace se popularizou nos últimos anos como solução estética e acessório de moda e estilo. O uso incorreto pode causar danos irreversíveis aos fios, portanto é essencial adquirir colas de boa qualidade e manter uma rotina de cuidados com o cabelo.
A lace é um tipo de peruca que utiliza uma base de renda fina para criar uma aparência mais natural do couro cabeludo
A lace é um tipo de peruca que utiliza uma base de renda fina para criar uma aparência mais natural do couro cabeludo
Foto: iStock

Nos últimos anos, o uso de perucas do tipo “lace” se tornou uma tendência cada vez mais popular, não apenas como uma solução estética para a perda de cabelo, mas também como um acessório de moda e estilo.

A lace é um tipo de peruca que utiliza uma base de renda fina para criar uma aparência mais natural do couro cabeludo. Essa base de renda é geralmente feita de material de malha transparente que imita o couro cabeludo humano e permite que o cabelo pareça estar crescendo diretamente da cabeça de quem a usa.

À medida que a popularidade da diversidade dos cabelos provisórios cresce, surgem preocupações sobre os possíveis efeitos adversos dos produtos utilizados para fixá-las no couro cabeludo. 

Em conversa com o Terra Você, a dermatologista da Clínica Dominique, Leticia Toresan Mariani, alerta que é necessário também tomar cuidado com a qualidade da cola utilizada para fixar a lace, pois o produto pode ser tóxico para a haste do fio capilar, o que poderá ocasionar a queda. 

Além disso, pode ocorrer a dermatite de contato por conta da cola em contato com o couro cabeludo, ocasionada por coceiras, tracionando a haste capilar e assim quebrando os fios. 

“Também é importante manter um distanciamento entre a cola e a raiz do cabelo, para evitar a dermatite e sempre manter uma rotina de cuidados com o cabelo para que o couro cabeludo esteja sempre limpo”, indica a médica.

8 dicas para diminuir a queda de cabelo 8 dicas para diminuir a queda de cabelo

A profissional explica que se as laces e perucas forem colocadas de maneira errada, ou usadas de maneira mais contínua, tempo prolongado ou muito tracionadas, elas podem prejudicar o crescimento saudável dos fios e levar ao que é chamado de alopecia de tração, podendo causar danos irreversíveis aos fios.

“Usar sempre colas confiáveis e de boa qualidade sem exagerar na aplicação do produto, além de ter uma rotina de cuidados com o cabelo é essencial. E se atentar para que a cola não entre em contato com o couro cabeludo é muito importante”, diz a dermatologista.

Outros cuidados podem minimizar os riscos, como:

  • Lavar bem a região em que foi colada a lace, após o seu uso;
  • Usar colas de boa qualidade e específica para laces;
  • Manter a lace higienizada, principalmente na região em que é aplicada a cola;
  • Evitar uso contínuo, se possível utilizar em situações mais pontuais;
  • Evitar que elas estejam tracionando o cabelo;
  • Evitar uma quantidade maior de aplique seja colocado, “pesando o cabelo”.

A médica pontua que é essencial passar por avaliações médicas para investigar se existem doenças subjacentes no couro cabeludo que justifiquem casos de alopecia ou dermatite de contato, além de piora ou predisposição à dermatite seborreica, devido umidade do fio ou também diminuição da lavagem dos cabelos naturais. 

5 benefícios do cronograma capilar 5 benefícios do cronograma capilar

Fonte: Redação Terra Você
Compartilhar
Publicidade
Seu Terra












Publicidade