PUBLICIDADE

Mulheres que vestem manequim acima do 46 compram mais roupas online

24 jun 2013 - 18h30
(atualizado às 18h30)
Compartilhar
Exibir comentários
<p>A atriz Melissa McCarthy mostra elegância no tapete vermelho com look em tamanho grande</p>
A atriz Melissa McCarthy mostra elegância no tapete vermelho com look em tamanho grande
Foto: Getty Images

Com mais de 30% da população obesa, os Estados Unidos deveria ter roupas em tamanhos grandes e de fácil acesso, certo? Apesar disso, segundo o site Huffington Post, as roupas maiores do que o padrão são facilmente encontradas em lojas virtuais, mas não em boutiques de ruas. 

A conclusão foi tirada de uma pesquisa encomendada pelo site ModCloth, que ouviu mais de 5 mil mulheres que usam diversos tamanhos de roupas e têm idades entre 15 e 65 anos. De acordo com o estudo, 57% das mulheres disseram vestir acima do manequim 16 (tamanho entre 46 e 48, no Brasil) e 50% das entrevistadas afirmaram usar tamanhos grandes ou variações das confecções  padrões.

A pesquisa concluiu ainda que as mulheres que vestem tamanhos grandes compram duas vezes mais em lojas virtuais do que as pessoas que usam roupas de tamanho padrão. Especificamente, as mulheres que vestem acima do tamanho 16 compram 50% mais online do que mulheres que vestem manequim 42 (no Brasil), por exemplo. Estas pessoas diserram ter comprado roupas pela internet nos último seis meses, enquanto este número cai para 1/3 para quem usa roupas de tamanhos menores.

Os especialistas confirmam a tendência. Kenyatta Jones, apresentadora de TV e diretora da linha de roupas Bella Rene, disse recentemente que os comerciantes não pensam nas mulheres que vestem manequins grandes como compradoras de boutiques. "Oh, elas não precisam de roupas, tudo o que elas fazem é... comer doces", ironizou em entrevista a um programa de televisão.

Sally McGraw, estilista e escritora, diz que esta dificuldade em encontrar looks maiores nas ruas  faz muita diferença na vida das mulheres. "Renegar as linhas de tamanhos maiores somente para as lojas virtuais nunca dá a oportunidade das mulheres experimentarem as peças, se olharem no espelho, terem a opinião da vendedora ou de alguma amiga e procurarem por opções. Toda a experiência de comprar está sendo perdida por estas mulheres", explica.

Diante dos resultados, a equipe do site levantou os tamanhos vendidos nas lojas online e de rua de 10 conhecidas marcas norte-americanas e constatou que a maioria vende os tamanhos grandes somente pela internet. O site destaca ainda que marcas como Urban Outfitters e Abercrombie & Fitch fabricam apenas até os tamanhos 12 (40, no Brasil) e 10 (38, no Brasil), respectivamente. Além da justificativa de que os tamanhos maiores são menos rentáveis, grifes como Abercrombie & Fitch afimam querer apenas "pessoas magras e bonitas" comprando em suas lojas.

Fonte: Terra
Compartilhar
Publicidade
Seu Terra












Publicidade