0

Mercedes revela sedã com multimídia gigante de 56''

Mercedes revela interior do EQS, um sedã elétrico que será apresentado em abril e terá sistema multimídia que mede 1,41 metro

30 mar 2021
10h56
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator
Maior destaque do Mercedes EQS será central multimídia Hyperscreen MBUX de 56’’.
Maior destaque do Mercedes EQS será central multimídia Hyperscreen MBUX de 56’’.
Foto: Mercedes-Benz / Divulgação

Depois de lançar os SUVs elétricos EQA e EQC, a Mercedes se prepara para a apresentação do sedã elétrico EQS, que será lançado no dia 15 de abril. Antes disso, no entanto, a marca alemã revelou o interior do modelo, que traz como destaque o sistema multimídia Hyperscreen MBUX, com uma tela com impressionantes 56’’.

Não, você não leu errado. São mesmo 56’’ (para ser mais exato, 55,5’’), maior do que muitas televisões à venda no mercado. Praticamente todo o console é uma grande tela, que mede 1,41 metro e traz três visores, todos sensíveis ao toque. Um deles é o painel de instrumentos, localizado atrás do volante, o outro é a central multimídia no centro, e por último, há ainda um display para o passageiro da frente. Como opcional, é possível incluir mais telas de entretenimento para os ocupantes de trás.

Visual do Mercedes EQS de produção será inspirado no conceito Vision EQS, apresentado em 2019.
Visual do Mercedes EQS de produção será inspirado no conceito Vision EQS, apresentado em 2019.
Foto: Mercedes-Benz / Divulgação

Além das três telas, o sistema Hyperscreen MBUX aposta em um hardware bastante potente. Ele é equipado com uma CPU de oito núcleos e 24GB de memória RAM. No entanto, o inovador sistema multimídia será opcional. A versão de entrada do Mercedes EQS terá um interior de aspecto mais tradicional, com painel de instrumentos digital e central multimídia em telas separadas, como nos novos Mercedes Classe C e Classe S.

De série, Mercedes EQS terá interior com visual parecido com os novos Mercedes Classe C e Classe S.
De série, Mercedes EQS terá interior com visual parecido com os novos Mercedes Classe C e Classe S.
Foto: Mercedes-Benz / Divulgação

Por dentro, outro destaque é o acabamento do modelo, que conta com revestimentos em couro e até iluminação ambiente em LED. Além disso, o Mercedes EQS terá sistema de som de 15 alto-falantes de 710 W da marca Burmester -- oferecido em duas opções, Silver Waves e Vivid Flux -- sistema de difusão de perfumes e filtragem de ar externo, e até mesmo um modo de descanso que pode ser ativado enquanto o carro é recarregado. De acordo com a Mercedes, esses recursos contribuem para a experiência de uso do EQS.

Por fora, o design final do Mercedes EQS ainda não foi revelado. No entanto, a Mercedes adiantou que o sedã elétrico terá um coeficiente aerodinâmico de 0,20, o menor já registrado em um modelo de produção. Para isso, a carroceria terá linhas cupê, e o visual deve ser inspirado no conceito Mercedes Vision EQS, apresentado em 2019.

Mercedes EQS aposta em acabamento luxuoso e pode ser equipado com telas para os ocupantes de trás.
Mercedes EQS aposta em acabamento luxuoso e pode ser equipado com telas para os ocupantes de trás.
Foto: Mercedes-Benz / Divulgação

Quanto à motorização, o Mercedes EQS ainda não teve detalhes confirmados pela marca alemã. No entanto, é esperado que o sedã tenha pelo menos dois motores elétricos, que somados ofereçam uma potência em torno de 475 cv e 760 Nm de torque. Além disso, a autonomia deve ficar em cerca de 700 km de acordo com o ciclo WLTP.

Outras informações em relação aos preços e a data de chegada do Mercedes EQS só devem ser revelados na apresentação do modelo, no dia 15 do próximo mês. A vinda do sedã elétrico ao Brasil, no entanto, ainda não foi confirmada pela Mercedes. Se vier, no mínimo, o EQS deve chegar só em 2022.

Carroceria cupê permite ao Mercedes EQS um coeficiente aerodinâmico de 0,20, o menor já registrado em um modelo de produção.
Carroceria cupê permite ao Mercedes EQS um coeficiente aerodinâmico de 0,20, o menor já registrado em um modelo de produção.
Foto: Mercedes-Benz / Divulgação

Veja também:

Volkswagen Taos, o terror do Compass, está pronto!
Guia do Carro
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade