0

Uber e Yandex combinam negócios em transporte urbano por aplicativo na Rússia e outros 5 países

13 jul 2017
11h57
atualizado às 13h39
  • separator
  • comentários

O Uber e a Yandex, considerada o "Google da Rússia", decidiram combinar os negócios de transporte urbano por aplicativo no país, com o parceiro russo devendo liderar o acordo que se estende para cinco mercados vizinhos.

Táxi da Yandex em Kiev, Ucrânia
16/05/2017 REUTERS/Gleb Garanich
Táxi da Yandex em Kiev, Ucrânia 16/05/2017 REUTERS/Gleb Garanich
Foto: Reuters

O anúncio impulsionou as ações da Yandex, que chegaram a disparar 17 por cento na bolsa de Moscou nesta quinta-feira, e sucede a fusão em maio da rival russa Fasten com a Rutaxi.

"Com esse acordo, a Yandex elimina um competidor agressivo que, no longo prazo, resultará em monetização e lucratividade melhoradas", disse Sergey Libin, analista do Raiffeisen Bank, em Moscou. "É um bom acordo", acrescentou.

A parceria marca outro revés na vertiginosa expansão global do Uber, um ano após a saída da China. Mas a parceria apresenta um vantagem potencial para a empresa norte-americana, que terá participação de 36,6 por cento na empresa fruto da fusão com a Yandex.

Sediado em San Francisco, o Uber concordou em investir 225 milhões de dólares, enquanto a parceira russa contribuirá com 100 milhões de dólares, com a Yandex tendo fatia de 59,3 por cento e seus funcionários de 4,1 por cento.

Por meses, o Uber vem sofrendo um revés após o outro, incluindo processos judiciais, acusações de cultura sexista e protestos de motoristas, o que culminou na saída em junho do cofundador e presidente-executivo, Travis Kalanick, em meio à pressão de investidores.

Em comunicado conjunto, Yandex e Uber afirmaram que juntarão forças na Rússia, Armênia, Azerbaijão, Belarus, Geórgia e Cazaquistão para criar uma nova companhia operando em cerca de 127 cidades, por meio de um acordo que deve ser concluído no quarto trimestre.

O presidente-executivo da Yandex.Taxi, Tigran Khudaverdyan, se tornará o presidente da companhia resultante da combinação de negócios e a Yandex consolidará os resultados da nova empresa em seus balanços.

Além disso, a Yandex ocupará quatro assentos no conselho, e o Uber outros três.

O Uber contribuirá com o serviço de entrega de comida UberEATS na parceria. A gigante Yandex domina as buscas na internet, mapas e navegação na região.

Reuters Reuters - Esta publicação inclusive informação e dados são de propriedade intelectual de Reuters. Fica expresamente proibido seu uso ou de seu nome sem a prévia autorização de Reuters. Todos os direitos reservados.

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade