0

Toshiba diz que Western Digital está exagerando em seus direitos sobre unidade de chips

14 set 2017
12h34
atualizado às 14h44
  • separator
  • comentários

A Toshiba informou que sua parceira de negócios Western Digital tem exagerado "persistentemente" em seus direitos sobre a unidade de chips de memória que o grupo japonês planeja vender, mostrando que as duas permanecem em desacordo em relação à venda de 18 bilhões de dólares.

Prédio da Western Digital em Irvine, Estados Unidos
24/01/2017 REUTERS/Mike Blake
Prédio da Western Digital em Irvine, Estados Unidos 24/01/2017 REUTERS/Mike Blake
Foto: Reuters

O comunicado foi divulgado um dia após a Toshiba ter dito que estava negociando a venda da unidade com o grupo liderado pelo Bain Capital e a fabricante de chips sul-coreana SK Hynix. O conglomerado também informou que continuaria a avaliar a oferta da rival Western Digital.

"A Toshiba lamenta que a Western Digital persistentemente exagere seus direitos limitados de consentimento em declarações públicas", afirmou a empresa japonesa em nota, referindo-se à afirmação da companhia norte-americana de que seu consentimento era necessário para uma venda, tendo em vista que investiu na planta de semicondutores da Toshiba.

Na quarta-feira, a Western Digital informou que estava confiante em sua capacidade de proteger seus direitos na joint-venture com a Toshiba, que é a segunda maior fabricante mundial de chips de memória NAND.

Reuters Reuters - Esta publicação inclusive informação e dados são de propriedade intelectual de Reuters. Fica expresamente proibido seu uso ou de seu nome sem a prévia autorização de Reuters. Todos os direitos reservados.

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade