0

Novos chips de inteligência artificial da Nvidia superam marcas de referência, diz empresa

6 nov 2019
18h45
  • separator
  • 0
  • comentários

A Nvidia afirmou nesta quarta-feira seus chips dedicados para aplicações de inteligência artificial superaram marcadores de testes de referência da indústria de semicondutores.

Os resultados representam um impulso aos esforços da Nvidia no crescente campo conhecido como "inferência", processo de usar um algoritmo de inteligência artificial em tarefas como tradução de um áudio em requisições baseadas em texto.

Os processadores da Intel atualmente dominam o mercado para aprendizado de máquina por inferência, que a Morningstar estima que vai valer 11,8 bilhões de dólares até 2021.

Entretanto, a Nvidia domina o mercado de chips para treinamento de inteligência artificial, em que enormes quantidades de dados ajudam algoritmos a "aprenderem" uma tarefa como reconhecimento de uma voz humana.

A Nvidia afirma que seus chips de inferência alcançaram agora os resultados mais rápidos de um pacote de cinco indicadores independentes de referência, conhecido como MLPerf Inference 0.5.

A companhia também revelou nesta quarta-feira o chip Jetson Xavier NX, projetado para aplicações de inteligência artificial. O processador tem o tamanho de um cartão de crédito.

O chip pode ser usado em aparelhos que incluem robôs comerciais, drones e dispositivos médicos portáteis, que precisam de poder de processamento sem sacrificar tamanho ou peso, disse a Nvidia. O processador tem preço de 399 dólares e estará disponível a partir de março.

Reuters Reuters - Esta publicação inclusive informação e dados são de propriedade intelectual de Reuters. Fica expresamente proibido seu uso ou de seu nome sem a prévia autorização de Reuters. Todos os direitos reservados.
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade