8 eventos ao vivo

Startups brasileiras levantam US$ 843 mi em aportes em setembro

Ao todo, foram realizadas 37 rodadas de investimento em startups do País; entre janeiro e setembro de 2020, as startups brasileiras receberam US$ 2,2 bilhões

1 out 2020
12h04
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

As startups brasileiras levantaram US$ 843 milhões em rodadas de investimento ao longo do mês de setembro, de acordo com um levantamento da empresa de inovação Distrito, divulgado nesta quinta-feira, 1. Segundo a pesquisa, considerando o volume investido, trata-se do mês de setembro mais movimentado da história do mercado de inovação. Ao todo, foram realizados 37 aportes em startups do País.

O valor de investimentos em setembro representa um crescimento de 65% em relação ao mesmo mês em 2019, quando o total de aportes somou US$ 510 milhões. Se a comparação for feita com setembro de 2018, esse aumento chega a 796%.

Olhando para todo o ano de 2020 até agora, as startups brasileiras receberam US$ 2,2 bilhões entre janeiro e setembro, em 322 rodadas de aportes.

"Se considerarmos apenas os três primeiros trimestres, 2020 fica atrás somente de 2019. Neste ano, os nove primeiros meses acumularam US$ 2,2 bilhões, contra US$ 2,3 bilhões de 2019. O mercado de capital de risco no Brasil segue movimentado e líquido, mesmo diante da pandemia", diz Gustavo Gierun, cofundador da Distrito.

Os principais cheques recebidos em setembro foram o de US$ 300 milhões da fintech Neon, um de US$ 225 milhões da plataforma de comércio eletrônico Vtex, que atingiu o status de unicórnio com a rodada, e também o aporte de US$ 21,6 milhões na foodtech Fazenda Futuro.

Para Gierun, a tendência é que o mercado continue aquecido: "A expectativa inicial era de que as rodadas demorassem mais para voltar, após o impacto inicial da pandemia. Mas a verdade é que o mercado voltou muito rápido, o que mostra resiliência e também o quanto o Brasil já está bem inserido em inovação".

O ano de 2020 vem se destacando pela quantidade de fusões e aquisições de startups, aponta a Distrito. Foram realizadas 100 fusões ao longo dos últimos nove meses, número antecipado pelo Estadão nesta quarta. Esse total faz deste ano o maior em quantidade de movimentações deste tipo no mercado brasileiro.

Veja também:

Apple Event: 3 detalhes que merecem destaque
Estadão
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade