0

Por que as ‘Big Techs’ estão na mira do Congresso dos EUA

Amazon, Apple, Facebook e Google estão na mira do legislativo por conta de supostas práticas anticompetitivas

29 jul 2020
12h12
atualizado às 17h17
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

O Congresso dos Estados Unidos (EUA) recebeu, nesta quarta-feira (29), quatro executivos das maiores empresas de tecnologia para depoimentos que fazem parte de uma investigação antitruste realizada pelo Departamento de Justiça americano. Amazon, Apple, Facebook e Google estão na mira do legislativo por conta de supostas práticas de negócios para sufocar a concorrência de empresas menores.

Pela primeira vez na história, Jeff Bezos, CEO e fundador da Amazon, Mark Zuckerberg, CEO e fundador do Facebook, Sundar Pichai, CEO do Google, e Tim Cook, CEO da Apple, foram chamados para depor perante o Congresso norte-americano. Zuckerberg e Pichai já estiveram na casa legislativa para conversar com congressistas, mas para tratar de outros assuntos.

As quatro empresas são investigadas por motivos diferentes, mas, em um contexto geral, todas elas estão na mira do Departamento de Justiça americano por supostas práticas anticompetitivas, com intenção de suprimir a concorrência, o que geraria situações de monopólio e truste.

O processo de apuração sobre as quatro corporações de tecnologia teve início no final de julho do ano passado, após a coleta de depoimentos de representantes de empresas menores perante autoridades da Justiça dos EUA.

 

Fonte: Equipe portal
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade