PUBLICIDADE

Gigante de e-commerce Alibaba começa a promover suas ações

Citigroup, Credit Suisse, Deutsche Bank, Goldman Sachs, JPMorgan e Morgan Stanley são os bancos coordenadores do IPO do Alibaba

8 set 2014 14h11
| atualizado às 16h08
ver comentários
Publicidade
<p>Alibaba começa investida nos EUA, o gigante chinês de comércio eletrônico busca levantar mais de US$ 21 bilhões com abertura de ações</p>
Alibaba começa investida nos EUA, o gigante chinês de comércio eletrônico busca levantar mais de US$ 21 bilhões com abertura de ações
Foto: AP

O Alibaba iniciou nesta segunda-feira sua ação de duas semanas para promover sua oferta pública inicial de ações (IPO, na sigla em inglês) com uma apresentação para as forças de vendas de seus seis bancos coordenadores.

O gigante chinês de comércio eletrônico busca levantar mais de US$ 21 bilhões (aproximadamente R$ 47,4 bilhões) em uma oferta pública inicial que irá avaliar a empresa em até US$ 163 bilhões naquele que deve ser a maior IPO de uma empresa de tecnologia nos Estados Unidos.

O Alibaba espera precificar a IPO entre US$ 60 a US$ 66 dólares por American Depositary Share. A empresa irá listar seus papéis na New York Stock Exchange (NYSE).

Cerca de 300 pessoas que integram as forças de vendas dos seis bancos que subscrevem a oferta se reuniram na sede do Citigroup, em Greenwich Street, em Lower Manhattan, por uma hora, de acordo com uma fonte familiarizada com o encontro.

Além do Citigroup, Credit Suisse, Deutsche Bank, Goldman Sachs, JPMorgan e Morgan Stanley são os bancos coordenadores do IPO do Alibaba.

O vice-presidente-executivo do Conselho do Alibaba, Joe Tsai respondeu perguntas e foi o principal apresentador, de acordo com a fonte. O motivo do encontro era fazer com que todos os bancos coordenadores do IPO estivessem em sintonia para ajudá-los a vender as ações, disse a fonte.

Analistas da indústria esperavam que o Alibaba tentasse ser avaliado em mais de 200 bilhões de dólares, ficando entre as 20 maiores empresas de capital aberto nos Estados Unidos. O esforço de marketing em várias cidades vai determinar se o IPO do Alibaba, amplamente visto como um dos mais quentes de empresas de tecnologia no ano, será precificado acima da faixa inicial e vai aproximar-se desse patamar.

Um representante do Alibaba não quis comentar.

Saiba quem são os bilionários da tecnologia Saiba quem são os bilionários da tecnologia

Reuters Reuters - Esta publicação inclusive informação e dados são de propriedade intelectual de Reuters. Fica expresamente proibido seu uso ou de seu nome sem a prévia autorização de Reuters. Todos os direitos reservados.
Publicidade
Publicidade