11 eventos ao vivo

Alexa agora reconhece até 10 vozes diferentes

12 out 2017
11h14
  • separator
  • comentários

A Amazon anunciou nesta quarta-feira (11) que sua assistente digital Alexa poderá diferenciar as vozes dos usuários, atendendo de maneira personalizada cada um deles. De acordo com a empresa, todos os dispositivos habilitados com a Alexa passam a ser capazes de reconhecer até 10 vozes diferentes, número superior às 6 vozes do Google Assistant.

Amazon Echo
Amazon Echo
Foto: Canaltech

Isso significa que ao ligar para algum contato, a Alexa reconhecerá a voz do usuário que estiver solicitando a ligação e procurará o telefone em sua lista de contatos. Ao reproduzir uma música ou sugerir uma faixa, ela também fará a busca de acordo com o reconhecimento da voz do usuário, a fim de oferecer uma experiência personalizada. Além disso, os resultados personalizados estão disponíveis para compras na Amazon, informações sobre notícias e mensagens. No futuro, a empresa promete adicionar outros recursos.

A novidade é um movimento da Amazon para fortalecer a Alexa em um mercado altamente competitivo de inteligência artificial, que inclui o Google Assistant; a Siri, da Apple; a Cortana, da Microsoft; e a Bixby. Nas últimas semanas, tanto a Amazon quanto o Google apresentaram uma série de novos dispositivos que colocam as assistentes digitais como as principais funcionalidades dos produtos.

A atualização já está sendo distribuída para todos os aparelhos da linha Echo e que são compatíveis com a Alexa. Aparelhos que foram fabricados por outras marcas e que contam com a assistente da Amazon também estão recebendo o update com a novidade.

Para que o reconhecimento da assistente seja efetivo e consiga distinguir um usuário do outro, a Amazon anunciou que é necessário treinar a Alexa com sua voz. Para isso a empresa disponibilizou um vídeo tutorial explicando como funciona o processo de treinamento. Caso o treinamento não funcione ou o usuário não veja necessidade de utilizar o reconhecimento de voz personalizada em seu dispositivo, a Alexa continuará considerando a conta principal como o proprietário do equipamento.

Canaltech Canaltech

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade