0

Apple vai anunciar novo iPhone no dia 12 de setembro

Empresa enviou convites para evento em sua sede na Califórnia à imprensa americana; espera-se que companhia anuncie três modelos diferentes de smartphones

30 ago 2018
13h57
  • separator
  • 0
  • comentários

O novo iPhone já tem data para chegar: 12 de setembro. Na manhã desta quinta-feira, 30, a Apple enviou à imprensa americana convites para um evento em sua sede na Califórnia, na cidade de Cupertino. Tradicionalmente, a empresa americana anuncia a nova versão do iPhone na primeira quinzena de setembro e parece que desta vez não será diferente.

Os convites para o evento do iPhone também costumam dar pistas sobre como serão os anúncios. Desta vez, um círculo em bronze e a expressão "Gather round" (Vamos nos juntar, em uma tradução literal) são o destaque, em uma menção ao Apple Park, campus que agora é a sede da empresa. O evento deve começar às 14h (horário de Brasília) e o Link fará a cobertura completa.

Rumores. Nas últimas semanas, diversos rumores têm sugerido como serão os novos modelos de iPhone. Até agora, o mais provável é que a Apple anuncie três versões diferentes do aparelho - todas com "tela infinita", quase sem bordas, como as do iPhone X. Dois dos dispositivos terão telas de OLED e poderão ter duas entradas para chips SIM - um deles, o mais caro, terá tela de 6,5 polegadas; já o menor terpa 5,8 polegadas.

No entanto, o lançamento mais significativo da Apple deve ser a versão mais barata de iPhone deste ano, até o momento nomeada como N84. Segundo as fontes, ela terá tela de LCD de 6,1 polegadas e seu corpo será feito em alumínio, para baratear a produção. Haverá versões em várias cores e a meta é atingir mercados emergentes ou usuários que não costumam conseguir pagar pelos aparelhos da empresa.

A tática não é nova: em 2013, a Apple lançou o iPhone 5C, com diversas cores e a meta de atingir mercados como China e Brasil, mas o celular não trouxe resultados significativos para a empresa - nesses países, os usuários preferiram comprar aparelhos mais caros da Apple ou ainda migraram para outras marcas, com configurações mais robustas pelo mesmo preço do iPhone 5C.

Todos os três iPhones, porém, terão algumas das características do iPhone X - é o caso do sistema de reconhecimento de gestos, implementado para substituir o botão Home. Além disso, haverá o Face ID, no qual os usuários poderão desbloquear o celular apenas ao olhar parra eles. Ainda há indefinição, porém, sobre como a empresa pretende nomear os três aparelhos.

Além dos três modelos de iPhone, também espera-se que a empresa apresente novas versões do seu relógio inteligente, o Apple Watch, para a linha de computadores MacBook e possivelmente modelos diferentes da linha de tablets iPad Pro.

Estadão
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade