PUBLICIDADE

Mundo

Trump se torna 1º ex-presidente dos EUA condenado criminalmente

Júri popular considerou magnata culpado de 34 crimes

30 mai 2024 - 18h36
(atualizado às 18h39)
Compartilhar
Exibir comentários

Após um julgamento histórico, o ex-presidente americano Donald Trump foi considerado culpado por unanimidade nesta quinta-feira (30) por 34 crimes.

    O processo diz respeito à acusação de fraudes para encobrir um suborno de US$ 130 mil à ex-atriz pornô Stormy Daniels, feito para esconder um relacionamento extraconjugal.

    O caso ocorreu durante a campanha de 2016, quando Trump se elegeu derrotando a democrata Hillary Clinton.

    O julgamento marca a primeira vez em que um ex-presidente americano é acusado e condenado criminalmente.

    A dosimetria da pena será definida pelo juiz Juan Merchan nos próximos dias. Como todas as acusações foram por crimes considerados leves, a pena não deve passar de quatro anos de prisão. No entanto, a expectativa é de que o candidato a retornar à Casa Branca não chegue a ir para a cadeia.

    Embora não haja precedentes, especula-se que, se for eleito presidente, Trump possa dar um indulto presidencial a si mesmo.

    O magnata ficou impassível diante da decisão do júri. "Foi um processo farsa, é uma vergonha. Sou um homem inocente", disse, já fora do tribunal, afirmando ser um homem inocente e acrescentando que "continuará lutando".

    "O veredito verdadeiro será em 5 de novembro", concluiu, em referência ao pleito em que deve enfrentar o atual presidente, Joe Biden. .

Ansa - Brasil   
Compartilhar
Publicidade
Seu Terra












Publicidade