PUBLICIDADE

Mundo

Trump não deve comparecer à posse de Milei na Argentina, diz fonte

27 nov 2023 - 21h07
Compartilhar
Exibir comentários

A posse do presidente eleito da Argentina, Javier Milei, em dezembro provavelmente não contará com a presença do ex-presidente dos Estados Unidos Donald Trump entre os participantes, disse uma pessoa familiarizada com o assunto à Reuters nesta segunda-feira.

A assessoria de imprensa do libertário argentino havia anunciado em 23 de novembro que seu colega conservador viajaria a Buenos Aires, mas não disse especificamente que Trump compareceria à posse formal de Milei como presidente em 10 de dezembro.

Mas uma fonte próxima à campanha de Trump, que atualmente está buscando a indicação de seu partido para reconquistar seu antigo cargo nas eleições do próximo ano nos EUA, citou um cronograma de campanha apertado como o provável impedimento.

"Não há nada planejado no momento", disse a fonte. "Com os caucuses de Iowa, New Hampshire e o restante das primárias se aproximando tão rapidamente, isso é algo que seria difícil no curto prazo", acrescentou a fonte, indicando os primeiros Estados dos EUA com votações primárias presidenciais programadas para o início do próximo ano.

A primeira disputa pela nomeação do Partido Republicano de Trump está marcada para Iowa em 15 de janeiro, seguido por New Hampshire em 23 de janeiro.

Trump também enfrenta vários processos judiciais criminais e civis nos EUA no mesmo período, o que também toma seu tempo à medida que a corrida presidencial esquenta.

Milei, um outsider de extrema-direita que venceu o segundo turno da eleição presidencial argentina por uma margem de 12 pontos neste mês, tem sido comparado com frequência a Trump por seu estilo abrasivo e suas políticas conservadoras.

Reuters Reuters - Esta publicação inclusive informação e dados são de propriedade intelectual de Reuters. Fica expresamente proibido seu uso ou de seu nome sem a prévia autorização de Reuters. Todos os direitos reservados.
Compartilhar
Publicidade
Publicidade