PUBLICIDADE

Polícia italiana apreende 4,3 toneladas de cocaína

Apreensão já é considerada uma das mais importantes da Europa

7 jun 2022 - 10h29
(atualizado às 10h41)
Ver comentários

A Guarda de Finanças de Trieste, na Itália, apreendeu 4,3 toneladas de cocaína nesta terça-feira (7), em operação que teve quase 40 pessoas detidas na Europa e na Colômbia e é considerada uma das maiores já realizadas no continente.

Pelo menos 38 pessoas foram detidas na operação
Pelo menos 38 pessoas foram detidas na operação
Foto: Ansa / Ansa - Brasil

Na operação, que foi coordenada pela Direção Distrital Antimáfia (DDA) do Tribunal de Trieste, também foi apreendida uma quantia avaliada em quase dois milhões de euros. Além disso, a apreensão representa um duro golpe para grupos criminosos colombianos.

Mais de 60 agentes cumpriram prisão preventiva contra 38 pessoas na Itália, Eslovênia, Croácia, Bulgária, Holanda e Colômbia, todos foram acusados de tráfico internacional de drogas. As investigações duraram mais de um ano e tiveram a cooperação de diversas autoridades, como a Agência de Investigações de Segurança Interna dos Estados Unidos.

Diversos policiais disfarçados se infiltraram na organização criminosa fingindo administrar a parte logística da comercialização dos entorpecentes. A coleta de provas foi possível através de 19 "entregas controladas" consecutivas, desenvolvidas entre 2021 e 2022.

Com isso, foi possível identificar importantes mediadores no sistema mundial de tráfico de drogas e um grande número de transportadores que operam na Itália e no exterior.

A quantidade de cocaína apreendida pelas autoridades italianas deve valer quase 100 milhões de euros, mas no mercado italiano, o valor poderia subir para pelo menos 240 milhões de euros. .
   

Ansa - Brasil   
Publicidade
Publicidade