0

Al-Qaeda anuncia ataque no Iêmen perto da embaixada dos EUA

No início do mês, forças de segurança impediram um atentado contra o embaixador americano, Matthew Tueller

29 nov 2014
10h24
atualizado às 14h39
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator
<p>I&ecirc;men, aliado importante dos Estados Unidos na luta contra a Al-Qaeda, autoriza em seu territ&oacute;rio os ataques a&eacute;reos americanos contra a AQPA.</p>
Iêmen, aliado importante dos Estados Unidos na luta contra a Al-Qaeda, autoriza em seu território os ataques aéreos americanos contra a AQPA.
Foto: Khaled Abdulá / Reuters

A Al-Qaeda no Iêmen anunciou que cometeu um atentado na quinta-feira perto da embaixada dos Estados Unidos em Sanaa, o que teria provocado a morte de vários guardas, segundo um comunicado citado pelo Centro Americano de Vigilância de Site Islâmicos (SITE).

Combatentes da organização colocaram dois explosivos na entrada norte da embaixada dos Estados Unidos, segundo uma mensagem no Twitter da Al-Qaeda na Península Arábica (AQPA), informou o SITE.

A AFP não conseguiu confirmar a informação com a embaixada dos Estados Unidos, que estava fechada neste sábado no Iêmen.

A AQPA informou no início do mês que as forças de segurança impediram um atentado contra o embaixador americano, Matthew Tueller, antes de uma visita ao presidente iemenita Abd Rabo Mansur Hadi.

O Iêmen, aliado importante dos Estados Unidos na luta contra a Al-Qaeda, autoriza em seu território os ataques aéreos americanos contra a AQPA.

Veja também:

Bilby, o estranho animal com 'orelhas de coelho' que volta à natureza após quase desaparecer
AFP Todos os direitos de reprodução e representação reservados. 
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade