PUBLICIDADE

Mundo

Navio italiano que ia para Antártida salva 92 migrantes

Resgate ocorreu no Mar Jônico, entre Itália e Grécia

21 nov 2022 - 09h52
(atualizado às 10h10)
Compartilhar
Exibir comentários

Um navio italiano que viajava para a Antártida resgatou 92 migrantes no Mar Jônico no último domingo (20).

Barco de migrantes à deriva no Mediterrâneo, em foto de arquivo
Barco de migrantes à deriva no Mediterrâneo, em foto de arquivo
Foto: ANSA / Ansa - Brasil

Esse braço do Mediterrâneo fica entre a Península Itálica e a Grécia, e os deslocados internacionais - provenientes em sua maioria do Afeganistão - estavam em um barco a vela de 15 metros e em dificuldade por causa do mar agitado.

O resgate foi efetuado pelo navio Laura Bassi, utilizado para atividades científicas e suporte logístico em explorações na Antártida.

A embarcação havia partido de Trieste, no nordeste da Itália, na semana passada e se dirigia para a Nova Zelândia, de onde partiria para o continente de gelo.

A operação de socorro durou quatro horas, salvando 49 homens, 23 crianças e 20 mulheres. Todos apresentam bom estado de saúde e foram levados para o porto seguro mais próximo, em Kalamata, na Grécia.

Ansa - Brasil   
Compartilhar
Publicidade
Seu Terra












Publicidade