PUBLICIDADE

Irã diz que instalação nuclear Natanz foi alvo de terrorismo

11 abr 2021
0comentários
Publicidade

Um incidente na instalação nuclear Natanz do Irã, neste domingo, foi causado por um ato de "terrorismo nuclear", disse a principal autoridade do país para assuntos nucleares, Ali Akbar Salehi, segundo a televisão estatal, acrescentando que Teerã se reserva ao direito de agir contra os responsáveis.

A rádio pública israelense Kan citou fontes da comunidade de inteligência, cujas nacionalidades não foram reveladas, dizendo que a agência de espionagem Mossad, de Israel, havia realizado um ataque cibernético contra a instalação. Não houve comentários oficiais de Israel sobre o incidente.

Mais cedo no domingo, o porta-voz da Organização de Energia Atômica do Irã disse que um problema com a rede de distribuição elétrica de Natanz havia causado o incidente, segundo a imprensa iraniana.

O porta-voz, Behrouz Kamalvandi, afirmou que o incidente não gerou mortes ou contaminação.

Ele aconteceu um dia depois de Teerã inaugurar novas centrífugas de enriquecimento de urânio no local. A instalação, localizada no deserto da província de Isfahan, na região central, é peça central do programa de enriquecimento de urânio do Irã e é monitorada por inspetores da Agência Internacional de Energia Atômica, órgão supervisor da ONU.

"Embora condenemos essa ação desprezível, o Irã enfatiza que a comunidade internacional e a Agência Internacional de Energia Atômica precisam lidar com o terrorismo nuclear e se reserva ao direito de agir contra os responsáveis", disse Salehi. Ele não entrou em detalhes.

A Rádio Kan, citando fontes de inteligência, disse que os danos em Natanz foram mais extensos do que relatados pelo Irã.

Reuters Reuters - Esta publicação inclusive informação e dados são de propriedade intelectual de Reuters. Fica expresamente proibido seu uso ou de seu nome sem a prévia autorização de Reuters. Todos os direitos reservados.
Publicidade
Publicidade