1 evento ao vivo

Síria: ao menos 35 morrem em ataque do Exército em Aleppo

27 jul 2013
15h28
atualizado às 18h26
  • separator
  • 0
  • comentários

Pelo menos 35 pessoas morreram após a explosão de vários mísseis lançados pelas forças do presidente sírio, Bashar al Assad, contra o bairro Bab al Nairab, em Aleppo, a segunda maior cidade do país, denunciou neste sábado a oposição ao regime.

A Coalizão Nacional Síria (CNFROS), principal aliança opositora, informou que os mísseis eram do tipo terra-terra e foram lançados na quinta-feira. Além disso, o ataque teria deixado dezenas de feridos.

O grupo convocou mais uma vez a comunidade internacional para que "assuma sua responsabilidade de proteção dos civis sírios e coloque um fim às contínuas violações de Assad dos tratados internacionais".

Já o Observatório Sírio de Direitos Humanos, com sede em Londres, mas com uma ampla rede de ativistas na Síria, confirmou a morte de 29 pessoas, entre elas 19 menores de idade e quatro mulheres. O grupo afirmou que os projéteis tinham como objetivo uma sede de um grupo islamita ligado à Al Qaeda mas impactaram dezenas de casas de civis.

Na quinta-feira, o secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, confirmou que mais de 100 mil pessoas morreram na Síria desde o início do conflito, em março de 2011.

EFE   
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade