PUBLICIDADE

Mundo

Alemanha convoca seu embaixador em Moscou após ataque hacker

6 mai 2024 - 14h54
(atualizado às 15h06)
Compartilhar
Exibir comentários

O governo alemão anunciou nesta segunda-feira (6) que seu embaixador em Moscou retornará a Berlim para uma semana de "consultas", após acreditar que a Rússia esteja por trás de uma campanha digital maliciosa contra o partido do chanceler Olaf Scholz.

    "O governo assume o caso muito seriamente como um ataque à nossa democracia liberal e também às instituições que a apoiam", disse a porta-voz do Ministério das Relações Exteriores alemão, Kathrin Deschauer, ao justificar a convocação do embaixador Alexander Lambsdorff..

    A declaração é dada em referência aos ataques cibernéticos anteriores contra líderes do Partido Social Democrata (SPD), de Scholz, e empresas alemãs nos setores de logística, defesa, aeroespacial e serviços de TI.

    O governo alemão atribuiu a responsabilidade por estes ataques a uma unidade de serviço secreto militar russo, o grupo Apt28.

    Segundo Berlim, a campanha dos hackers russos, que estariam a serviço da inteligência do país, teria começado em março de 2022. A ofensiva teve como objetivo invadir e-mails de membros do partido e de empresas locais em busca de conteúdo sensível.

    .

Ansa - Brasil   
Compartilhar
Publicidade
Seu Terra












Publicidade