0

TRE-PR indefere pedido de registro de candidato a governador

8 ago 2014
18h08
atualizado às 18h21
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

O Tribunal Regional Eleitoral do Paraná (TRE-PR) indeferiu o pedido de registro de candidato a vice-governador de Rodrigo Carlo Sottile (PRTB) e, por atingir a chapa, barrou também a candidatura de Geonísio Marinho (PRTB) ao governo do Estado. No entanto, o partido pode realizar uma nova convenção e indicar outra chapa para a disputa. Inclusive com o nome de Geonísio Marinho como candidato. O único que está impedido de ser indicado é Sottile.

Segundo o relator do registro de candidatura da chapa, desembargador Jucimar Novochadlo, Sottile não comprovou a filiação partidária dentro do prazo mínimo para estar apto a disputar a eleição (um ano), estando inelegível para o pleito de outubro. É provável que tenha ocorrido um erro formal no envio da lista dos filiados do PRTB ao TRE, uma vez que Sottile é, há dois anos, presidente da comissão provisória do partido em Londrina. Os partidos têm de registrar semestralmente sua lista de filiados no TRE e o nome de Sottile não consta nos registros atuais.

A defesa da chapa ainda tentou argumentar tratar-se de um mero erro de preenchimento do sistema do TRE, apresentando ficha de filiação ao partido assinada pelo candidato e atas das reuniões e convenções do partido. Porém, a documentação unilateral não é aceita como prova pelo TRE.

A assessoria de imprensa da campanha informou que Geonísio Marinho reúne-se na noite desta sexta-feira com sua equipe para definir se escolhe um novo vice ou toma alguma outra medida com relação ao indeferimento da candidatura.

Coligações partidárias: Dilma, Aécio e Eduardo CamposColigações partidárias: Dilma, Aécio e Eduardo Campos

Veja também:

Por que milhões de pessoas estão assistindo a vídeos de limpeza de piscinas no TikTok
Fonte: Especial para Terra
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade