PUBLICIDADE

Revolução nos concursos: milhões de novos funcionários públicos

Brasil precisa de milhões de novos funcionários públicos e vem aí uma revolução nos concursos

9 ago 2023 - 06h35
Compartilhar
Exibir comentários
Revolução nos concursos: milhões de novos funcionários públicos:

Qualquer brasileiro que precisa usar no dia-a-dia os serviços públicos sabe muito bem que o Brasil precisa de mais estrutura, braço e investimento para atender o cidadão.

Mas você já ter ouvido muitas vezes que o Brasil tem funcionário público demais. Este argumento tem base real?

Agora um novo estudo do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (IPEA) mostra que na verdade o Brasil tem menos funcionários públicos do que os países avançados. E até menos do que outros países em desenvolvimento, como a gente.

Dos 91 milhões de trabalhadores brasileiros, 11,3 milhões trabalham no setor público federal estadual e municipal, em diferentes formatos de contratação. Isso representa 12,4% do total.

Vamos comparar com países que tem excelência no seu serviço público, na educação, saúde, segurança?

A grande referência são os países da Escandinávia. Como a Noruega, onde o funcionalismo público representa 30,2% dos trabalhadores.

Mas nos Estados Unidos, onde nem existe serviço de saúde pública, o total de servidores é 13,5%, maior que no Brasil. E aqui perto mesmo no Chile o percentual também a maior, 13,1%.

Estudos como esse são o fundamento para uma grande transformação que vai acontecer inevitavelmente no mercado de trabalho brasileiro. Nossa demanda por serviços públicos já é enorme e está longe de ser bem atendida. Mas além de tudo vai crescer, com o envelhecimento da população.

Nos últimos anos o Brasil também diminuiu o investimento no serviço público, e essas vagas terão que ser preenchidas urgentemente.

A tendência para os próximos anos não é de voltarmos ao papel do estado mínimo. Mas de uma revalorização do setor público. Inclusive porque é uma necessidade em um cenário de tanto desemprego e desalento.

Foto: Adobe Stock / Montagem Homework

Quanto seria o ideal para o Brasil? Para chegar em só metade do percentual dos países avançados como a Noruega, seria 15% do total dos trabalhadores brasileiros, ou seja, subiria 2,6%, para 13,5 milhões de servidores. Mais 2,2 milhões de novas vagas!

E ainda é pouco, como explico neste vídeo. Só que daqui pra frente o servidor público vai enfrentar outros tipos de concurso, e ser exigido de outras maneiras. Saiba mais sobre esta grande transformação, oportunidade para jovens em início de carreira e também para tantos profissionais experientes que encaram dificuldades no mercado de trabalho.

(*) André Forastieri é jornalista, sócio da consultoria Compasso e fundador de Homework. Conheça melhor seu trabalho em andreforastieri.com.br.

Homework Homework
Compartilhar
Publicidade
Publicidade