Quais são seus pontos fortes? 5 dicas infalíveis para responder certo

Veja algumas dicas de como transmitir corretamente suas qualidades na entrevista de emprego!

7 jun 2017
21h02
  • separator
  • comentários

Poucos momentos são tão apavorantes quanto uma entrevista de emprego. Primeiro porque o candidato está lá, diante da pessoa que pode ser decisiva na busca por uma nova fase da vida. Depois, porque é preciso saber passar a impressão de que é a pessoa ideal para o cargo.

Ao ser questionado sobre suas qualidades, não precisa fazer uma relação imensa de tudo aquilo que você é.
Ao ser questionado sobre suas qualidades, não precisa fazer uma relação imensa de tudo aquilo que você é.
Foto: Guia da carreira

Na ansiedade de convencer o entrevistador de que é o melhor candidato para aquela vaga, muita gente mete os pés pelas mãos. Fala o que não deve, faz piada sem graça, força intimidade com o entrevistador - enfim, um desastre.

Quem consegue controlar bem a ansiedade ainda terá que lidar com perguntas-pegadinha, do tipo "quais são seus pontos fortes?"

Aqui mais uma vez é fácil botar tudo a perder - tudo isso por conta de querer passar a ideia de que você é o Super Homem ou a Mulher Maravilha.

Pois bem, não caia nessa armadilha. Com o apoio da Love Mondays vamos ajudar você a identificar quais são seus pontos fortes de verdade e mandar muito bem na entrevista. Confira!

1. Mostre que você tem autoconhecimento

Ao ser questionado sobre suas qualidades, não precisa fazer uma relação imensa de tudo aquilo que você é.

Sim, a gente sabe que a intenção é impressionar o entrevistador. Só que nesses casos, acredite, menos é mais. O ideal é falar apenas de alguns pontos fortes que tenham real aderência à vaga.

A dica da Love Mondays é escolher de um a três atributos apenas. Eles precisam ser bem selecionados, já que devem reforçar sua imagem profissional e agregar pontos na corrida pela vaga oferecida.

Se a posição pede que o candidato tenha boa interação com clientes, por exemplo, ter facilidade de comunicação e relacionamento são as qualidades que devem ser citadas.

Fale somente a verdade e fique de olho, pois tudo pode variar conforme o contexto - inclusive para situações inversas (seus defeitos).

2. Reforce suas experiências com histórias reais

Uma das regras mais importantes para uma entrevista de sucesso é comprovar os fatos. Falar que é um bom gestor, por exemplo, não significa nada se você não tiver uma boa história para contar sobre situações que ocorreram durante sua experiência.

A dica é contar uma história que ilustre bem a sua experiência e capacidade de resolver problemas - todo mundo já passou por algo parecido em trabalhos anteriores. Não precisa ser uma narrativa de cinema, às vezes um fato comum, ou uma solução simples, já mostra bem do que você é capaz.

Antes da entrevista, tente lembrar de histórias que possam ser relevantes e adicionar mais pontos ao seu currículo.

3. Aproveite as brechas deixadas pelo entrevistador

Nada como um bom senso de oportunidade para ganhar muitos pontos na disputa pela vaga tão desejada. Durante a entrevista, é normal que o entrevistador deixe algumas brechas para você falar de si, especialmente dos seus pontos fortes.

É nessa hora que você vai dar o pulo do gato. Como fazer isso? Juntando tudo o que falamos acima (suas qualidades reais e um bom par de histórias) e adicionar um elemento matador, que vai convencer o entrevistador de que é a pessoa adequada àquela vaga.

Para isso é preciso uma resposta inteligente e certeira, que só será possível alcançar com um certo estudo e preparação prévia.

Anote aí o passo a passo:

-Antes da entrevista, informe-se de tudo sobre a empresa. Conhecer a cultura, os valores, o mercado de atuação e os planos do seu provável novo local de trabalho é fundamental. Além de impressionar o entrevistador, você vai saber com muito mais facilidade como encaixar seu perfil naquele universo.

-Entenda tudo o que a posição em aberto pede e veja, entre seus pontos fortes, quais são aqueles que mais agregam àquela vaga. Use-os com moderação.

-Separe algumas histórias que podem ser usadas para ilustrar seus pontos fortes e tenham a ver com o perfil do cargo.

-A tacada final, aquela em que você vai convencer de vez o entrevistador, você vai encontrar sozinho, a partir da soma dos três itens acima. Acredite!

4. Seja sincero, sempre

A sinceridade é um ponto fortíssimo.

Se tem algo que faz o candidato perder a chance de conseguir aquela vaga é a tentativa de manipular a entrevista.

Portanto, se o entrevistador perguntar quais são seus pontos fracos, responda com honestidade. Falar que é perfeccionista ou que é excessivamente dedicado, por exemplo, pega super mal. Essa tentativa de impressionar é tão manjada que ninguém mais cai nesse papo.

Portanto, antes da entrevista separe também alguns dos seus pontos fracos. Assim como os fortes, não precisa ser uma lista grande, mas é essencial que sejam verdadeiros - e que você conte também como está trabalhando para melhorá-los.

Outro hábito comum: mentir em relação aos cargos que ocupou ou ao trabalho que desempenhou. Tudo isso é muito fácil de verificar e, dependendo da empresa contratante, é comum o departamento de Recursos Humanos fazer esse tipo de checagem. Se constatarem alguma mentira, o candidato é desclassificado na hora.

5. Alguns dos seus pontos fortes falam por você

Às vezes nem é preciso falar quais são seus pontos fortes, eles já se apresentam por si mesmos.

Pontualidade, por exemplo, é uma característica marcante. Um candidato que não cumpre o horário combinado é super mal visto.

Saber ouvir o que o entrevistador tem a dizer e falar na hora certa também são qualidades bastante observadas.

Não mostrar ansiedade nem tentar convencer demais o entrevistador de que você é a pessoa certa para a vaga demonstram maturidade e seriedade profissional.

Estar vestido de acordo com o perfil da empresa é fundamental. Empresas formais pedem roupas formais. Em empresas informais é sempre recomendável adotar uma vestimenta mais discreta, por mais que os funcionários estejam de bermuda, chinelo e camiseta.

Nunca fale mal do seu antigo emprego, mesmo que o entrevistador tente conduzi-lo a isso - às vezes é um teste. Não caia nessa armadilha.

E anote essa fórmula: quanto mais preparado você estiver, menos nervoso você vai ficar.

De resto, é torcer para conseguir a vaga!

Sobre a Love Mondays

A Love Mondays é a maior comunidade de carreiras do Brasil. Através de faixas salariais e avaliações sobre o ambiente de trabalho em mais de 75 mil empresas, apoia 1 milhão de profissionais a tomarem melhores decisões de carreira.

Veja também:

Como se recolocar no mercado de trabalho

Entrevista de emprego após os 40 anos

10 dicas para recolocação profissional

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade