PUBLICIDADE

Como estudar para concurso? Veja passo a passo

Saber como estudar para concurso pode ser complicado, mas com as dicas certas você certamente realizará o sonho da carreira pública

23 abr 2024 - 18h27
Compartilhar
Exibir comentários
Resumo
Preparar-se para o concurso público exige organização, escolha do material certo, estratégia, atualização e persistência. O Terra listou 10 passos para criar a melhor estratégia de estudos e alcançar a tão sonhada vaga.
Confira 10 passos para estudar para concursos públicos
Confira 10 passos para estudar para concursos públicos
Foto: Freepik

Para quem vê de fora, nem parece que se tornar 'concurseiro' dá tanto trabalho. No entanto, quem se dedica a estudar para um concurso público sabe o esforço que precisa fazer para alcançar o objetivo.

Muito mais que horas sem dormir, estresse ou ansiedade para as provas, o candidato precisa seguir passos estratégicos, caso queira ler seu nome estampado na lista de aprovados. Cuidar da saúde física e mental, aliás, é um dos grandes desafios.

Mas nada se compara a algo crucial para o êxito: a rotina de estudos. A seguir, confira algumas dicas para você começar a se preparar para concursos públicos!

Como estudar para concurso?

Não existe uma fórmula perfeita que garanta que o candidato será aprovado na vaga desejada, e é claro que fatores externos e incontroláveis podem influenciar durante os estudos. O que o 'concurseiro' pode - e deve! - fazer é se organizar ao máximo para se aproximar desse que é o sonho de muitos: se tornar um funcionário público.

Separamos 10 passos importantes para quem almeja chegar nessa etapa da carreira o mais rápido possível. Aproveite que os Correios anunciaram novas informações sobre o concurso público da estatal, previsto para acontecer ainda este ano, e coloque as dicas em prática!

  • 1. Entenda o edital

Todo 'concurseiro' sabe o quanto os editais podem ser maçantes e cansativos de ler. O documento referente às vagas de Infraestrutura, Exatas e Engenharia do Concurso Nacional Unificado (CNU), por exemplo, tem 77 páginas!

No entanto, é lá que o candidato encontrará informações essenciais sobre as matérias cobradas e o formato da prova, além das datas importantes e os critérios de avaliação que serão utilizados. Mas se o edital da vaga desejada ainda não está disponível, uma boa opção é ler os documentos de concursos passados, para já se preparar para o que está por vir. 

Quais são as faculdades que entraram no ranking de melhores do Brasil pela 1ª vez Quais são as faculdades que entraram no ranking de melhores do Brasil pela 1ª vez

  • 2. Crie um cronograma

Quando nos organizamos com as nossas demandas, fica muito mais claro o que precisamos reforçar e o conteúdo que já foi absorvido. Desde o momento em que o edital é lançado até a hora de entrar na sala de provas, o candidato preparado pode seguir um cronograma criado por ele mesmo, com metas realistas e condizentes com sua rotina e realidade.

Como não adianta querer aprender tudo em 24 horas, é importante distribuir o cronograma de forma equilibrada entre as matérias cobradas para não deixar nenhum conteúdo de lado durante os estudos. Além dos temas a serem estudados todos os dias, tente estabelecer no seu planejamento uma meta de horas por dia. Tem horas que a mente fica cansada e, por isso, é super importante estabelecer horários.

Seja estratégico e persistente como 'concurseiro'
Seja estratégico e persistente como 'concurseiro'
Foto: Freepik
  • 3. Escolha o melhor material

Logo que o candidato decide se tornar um 'concurseiro', ele é bombardeado com anúncios de apostilas, livros, videoaulas e cursos online que prometem ajudar na preparação para o exame. Mas como decidir qual o mais adequado?

A verdade é que a melhor forma de escolher quais materiais usar é checar se abordam ao máximo o que é cobrado no edital do concurso que você irá concorrer. Dessa forma, o material didático mais indicado sempre será aquele que está o mais completo e atualizado possível para aquela vaga específica. 

  • 4. Seja estratégico

Por ser individual, o processo de estudo deve se adequar à forma como o candidato se sente mais confortável para aprender. Tente testar métodos de aprendizagem diferentes, como resumos, esquemas, mapas mentais e a resolução de exercícios práticos sobre os temas estudados. Cada um tem mais facilidade em absorver o conteúdo de uma forma, logo, descubra o método mais eficaz para você e siga-o. 

6 biografias de famosos para ajudar a entender a história do Brasil  6 biografias de famosos para ajudar a entender a história do Brasil

  • 5. Revise o conteúdo

Além de estudar conteúdos novos para as provas de concurso, é super importante fazer revisões periódicas das matérias para fortalecer a memória e a compreensão. Às vezes, um conteúdo que foi estudado há meses acaba caindo no exame e esquecemos do conteúdo. Tente manter as informações sempre acessíveis à sua memória.

  • 6. Faça simulados e provas anteriores

Para se dar bem em uma prova de concurso, não adianta apenas estudar as teorias e fazer exercícios dos livros didáticos. É importante também usar simulados e resolver provas anteriores do mesmo concurso e/ou da mesma banca realizadora do certame. Isso ajuda o candidato a se familiarizar com o estilo das questões e praticar o gerenciamento de tempo, controle super importante para manter a calma na hora 'H'. 

  • 7. Se atualize sobre o mundo

Outra dica é tentar se manter atualizado sobre notícias e acontecimentos relevantes, especialmente em áreas como Direito e Legislação, que podem ser cobradas na prova. Além de checar os sites e jornais on-line, uma boa opção é instalar aplicativos de notícia e ativar as notificações.

Participar dos grupos de notícia no Instagram e no Whatsapp, como o canal do Terra, também pode ser super prático para se manter atualizado. 

Estudar com planejamento e dedicação é importante
Estudar com planejamento e dedicação é importante
Foto: Freepik
  • 8. Mantenha a saúde física e mental

Não adianta nada sobrecarregar de estudar, se sua saúde física e mental não vão bem. É super importante tentar manter uma rotina de atividade física e alimentação equilibrada. Isso ajuda até no foco e no aprendizado.

Também é mais do que necessário reservar um tempo para descansar e curtir um momento de lazer. Parece difícil não se cobrar tanto no processo, mas é essencial parar um pouco e cuidar de si. 

  • 9. Mantenha o foco e não desista

Alguns demoram meses e outros até anos para conseguir passar na vaga desejada. Por isso, entenda que cada pessoa tem o seu tempo e não se cobre ou se compare com outros candidatos. Tente focar no seu objetivo e se manter motivado durante todo o processo.

Lembre-se sempre que o mais importante já foi dado por você: o primeiro passo. O caminho até o objetivo é longo, mas dá para chegar no final mesmo diante dos desafios encontrados.

Uma dica é acompanhar pessoas que também passaram por essa fase e conseguiram a aprovação. É bom se inspirar e ver que a meta não é impossível.

É importante entender que cada um tem o seu tempo
É importante entender que cada um tem o seu tempo
Foto: Freepik
  • 10. Faça ajustes no seu planejamento

Mesmo que o planejamento e a montagem de um cronograma sejam essenciais durante o processo, também é importante saber flexibilizar as metas quando necessário. Só dá para entender o que merece mais atenção depois que a rotina de estudos começa.

Por isso, é importante se adaptar às necessidades individuais do processo de preparação, ajustando o plano de estudos conforme identificação de pontos fracos ou mudanças no edital.

Fonte: Redação Terra
Compartilhar
Publicidade
Publicidade