10º Curso Estadão de Jornalismo Econômico: veja como se inscrever

Programa inclui atividades jornalísticas e aulas de macroeconomia e finanças, com certificado emitido pela FGV; período de seleção segue até 23 de outubro

26 set 2020
16h05
atualizado em 2/10/2020 às 20h01
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

Não perca a oportunidade de participar do 10º Curso Estadão de Jornalismo Econômico, parceria do Estadão e da Agência Estado com a Escola de Economia da Fundação Getulio Vargas (FGV/EESP). As inscrições para o programa de capacitação gratuito, um dos mais tradicionais do País para a formação de jovens jornalistas, vão até o dia 23 de outubro. Podem participar da seleção alunos do último semestre de jornalismo ou jornalistas formados há até dois anos (2018, 2019 e 2020/1).

O programa traz novidades nesta edição. Tanto o processo de seleção quanto o formato e o conteúdo foram atualizados, levando em conta os novos conhecimentos necessários para os jovens profissionais que querem atuar na área de jornalismo econômico e também as regras de distanciamento social.

Neste ano, o curso será realizado em duas etapas: de 16 de novembro a 22 de dezembro de 2020, com foco no conteúdo econômico, e de 1º de fevereiro a 12 de março de 2021, mais direcionado a práticas jornalísticas. O programa conta com o patrocínio do Itaú.

A primeira parte do curso será virtual, com aulas da FGV a distância, além de palestras e entrevistas coletivas em formato de live com executivos e economistas. A segunda etapa está prevista para ocorrer de forma semipresencial, na sede do Estadão, em São Paulo, quando os focas poderão participar de um rodízio pela redação (impresso e portal do Estadão, e editorias do Broadcast, serviço de tempo real da Agência Estado) e desenvolver o projeto multimídia de conclusão de curso.

A realização semipresencial da segunda parte do curso no início de 2021 depende de haver condições seguras no País em relação ao novo coronavírus. No caso de o País ainda não ter atingido esse nível, as atividades jornalísticas serão desenvolvidas também de forma remota.

Seleção

Neste ano, todas as fases da seleção serão realizadas online. Na primeira etapa do processo, os candidatos preenchem um formulário online, com dados pessoais, currículo e justificativa de interesse no curso, além de sugerirem uma pauta em vídeo e texto. O formulário está disponível aqui, no perfil do Estadão no Linkedin e no Vagas.com.br.

Os aprovados para a segunda fase participam de uma dinâmica de grupo por videochamada, ao fim da qual precisam escrever uma reportagem econômica seguindo as orientações passadas pela coordenação do curso. Até 75 candidatos serão convidados para essa segunda etapa, que ocorre entre 27 e 30 de outubro.

Programação do curso

A turma será formada por 25 focas - apelido dado a iniciantes na profissão - aprovados na seleção e outros 8 jovens jornalistas que trabalham no Grupo Estado. O programa inclui aulas teóricas de economia com professores da FGV, além de palestras e entrevistas coletivas com importantes nomes da economia e da política nacionais. O último curso contou, por exemplo, com uma entrevista com a presidente do Conselho de Administração do Magazine Luiza, Luiza Helena Trajano.

Como projeto de fim de curso, os Focas produzem um especial multimídia, com tema proposto pela própria turma. O Estadão QR, feito pela turma do ano passado, é um projeto transmídia sobre o mercado de trabalho diante da robotização da economia. Para saber mais, acesse www.estadao.com.br/focas e a página dos Focas no Facebook (CursosEstadoDeJornalismo).

Veja também:

Segunda onda de covid-19 na Europa
Estadão
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade