PUBLICIDADE

Há 57 dias com Covid, modelo italiana ainda testa positivo

Caso de jovem é um mistério para os médicos da Itália

24 abr 2020 14h15
| atualizado às 14h37
ver comentários
Publicidade

A modelo italiana Bianca Dobroiu, de 22 anos, se transformou em um mistério para os médicos do país em meio à pandemia do novo coronavírus (Sars-CoV-2). Isso porque, há 57 dias ela teve a confirmação de ter contraído a doença e, até hoje, os seus testes continuam dando positivo para a covid-19.

Modelo Bianca Dobroiu já testou positivo para a Covid-19 por seis vezes
Modelo Bianca Dobroiu já testou positivo para a Covid-19 por seis vezes
Foto: Reprodução/Instagram / Ansa

"Não tenho mais os sintomas desde 1º de março, mas os médicos me disseram que ainda sou portadora do vírus e que posso contaminar", contou em uma entrevista à "E'TV" informando que ainda cumpre o isolamento social obrigatório.

Dobroiu foi a primeira paciente com a doença no departamento de Doenças Infecciosas do Hospital Policlínico Sant'Orsola, em Bolonha. Ela foi internada no dia 28 de fevereiro com uma febre corporal de 40,7° C. No dia 6 de março, a modelo recebeu alta e achou que sua vida voltaria ao normal em breve.

"Mas, não foi bem assim porque em todos os testes sucessivos sempre teste positivo. Todos, exceto o quarto, deram resultado incerto, incluindo o sexto que fiz em 16 de abril, do qual testei positivo, em resultado no dia 18", contou ainda.

A italiana afirma que não está assustada com a situação porque não apresenta mais nenhum sintoma da doença e ainda se diz uma pessoa de sorte "por não ter adquirido o vírus de uma maneira pior". Dobroiu também agradeceu a toda a equipe de médicos e enfermeiros por tudo o que fizeram por ela e por todos os pacientes do país.

Após a notícia sair em jornais locais, a modelo, que tem mais de 18,5 mil seguidores no Instagram. foi questionada se era verdade que ainda tinha a Covid-19, ao que ela respondeu que "infelizmente, sim".

Ansa - Brasil   
Publicidade
Publicidade