PUBLICIDADE

Bolsonaro fala em editar decreto contra medidas de restrição

Presidente afirma que quer "garantir o direito de ir e vir" dos brasileiros

5 mai 2021 11h38
| atualizado às 11h48
ver comentários
Publicidade

O presidente Jair Bolsonaro afirmou nesta quarta-feira, 5, que tem pronto um decreto para "garantir o direito de ir e vir" dos brasileiros, que muitos pedem que seja editado, e que se for publicado "não será contestado em nenhum tribunal".

Presidente Jair Bolsonaro em Brasília
08/04/2021 REUTERS/Adriano Machado
Presidente Jair Bolsonaro em Brasília 08/04/2021 REUTERS/Adriano Machado
Foto: Reuters

Em um discurso mais longo que o normal, Bolsonaro voltou a criticar medidas restritivas de circulação, reclamou de críticas por ele não usar máscara e causar aglomerações com suas visitas inesperadas a cidades e bairros do Distrito Federal, e insinuou que a covid-19 poder ser fruto de uma guerra biológica.

"Peço a Deus que não tenha que baixar esse decreto. Mas se baixar, ele será cumprido", disse. "E não será contestado esse decreto. Não ouse contestar, quem quer que seja. Sei que o Legislativo não contestará."

Reuters Reuters - Esta publicação inclusive informação e dados são de propriedade intelectual de Reuters. Fica expresamente proibido seu uso ou de seu nome sem a prévia autorização de Reuters. Todos os direitos reservados.
Publicidade
Publicidade