2 eventos ao vivo

Pantanal de Mato Grosso continua em chamas

Em Cuiabá, a temperatura máxima deste domingo deve chegar a 43ºC e bater recorde histórico em 109 anos

12 set 2020
11h54
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

O pantanal de Mato Grosso continua em chamas. Neste sábado (12), a Climatempo recebeu imagens tristes das queimadas no estado, registradas por José Medeiros. Confira abaixo.

O estado de Mato Grosso tem enfrentado um período de calor extremo. No dia 10 de setembro de 2020, o Instituto Nacional de Meteorologia (INMET) registrou 42,6°C de temperatura máxima em Cuiabá. Este valor igualou o recorde histórico de maior temperatura já registrada na capital de Mato Grosso, desde 1911, quando o INMET iniciou as medições oficiais regulares na cidade, que foi registrada em 16/9/2019.

Em 16 de setembro de 2019, a temperatura máxima chegou aos 42,6°C na leitura oficial do termômetro feita às 21 horas (em Brasília) pelo Instituto Nacional de Meteorologia. 

O recorde histórico considera todas as temperaturas, de todos os meses, de todos os anos, desde o início das medições.

Portanto, estamos diante da maior temperatura já registrada oficialmente em Cuiabá desde 1911.

Se previsão da Climatempo para os próximos dias se confirmar, um novo recorde histórico poderá ser estabelecido. 

A previsão é de que a temperatura alcance 43°C neste domingo, dia 13 de setembro, e/ou na segunda-feira, dia 14.

O estado de Mato Grosso foi a região mais quente do Brasil na última semana. Cuiabá e Poxoréo disputaram ao longo da semana o posto de lugar mais quente do país, considerando-se todos locais de medição do INMET.

Na sexta-feira, 11 de setembro, o INMET registrou 42,4°C em Cuiabá - esta foi a segunda maior temperatura até agora para o ano de 2020.

Por enquanto, não há expectativa de chuva em todo o estado de Mato Grosso pelo menos até o começo da primavera, no dia 22 de setembro. 

Veja também:

Previsão Brasil - Nova frente fria avança sobre o centro-sul do país
Climatempo
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade