0

Terna inaugura linha de alta tensão no Rio Grande do Sul

Empresa italiana construiu Santa Maria 3- Santo Ângelo 2

17 out 2018
12h42
  • separator
  • 0
  • comentários

A italiana Terna, por meio da sua subsidiária Santa Maria Transmissora de Energia, concluiu os trabalhos da nova linha de alta tensão Santa Maria 3- Santo Ângelo 2, no Rio Grande do Sul. A linha já começou a funcionar e é considerada estratégica para o estado, com 158 km de extensão e 230 kV. O empreendimento foi entregue com dois meses de antecedência da data acordada com a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) e cerca de um ano após a Terna adquirir o direito de concessão de 30 anos.
    A companhia venceu o leilão e assinou, em 26 de junho de 2017, o acordo para construir, operar e fazer a manutenção na linha de Santa Maria 3- Santo Ângelo 2.
    Além dessa linha, a Terna também está construindo uma em Mato Grosso, com 350 km de extensão e 500 Kv. Ao todo, a empresa italiana investiu 160 milhões de euros nos projetos.
    A SPE Santa Maria pertencia originalmente ao Grupo Planova. Em junho de 2017, a empresa passou a integrar o Grupo Terna, sendo hoje uma empresa controlada pela sociedade italiana Terna Plus S.r.l, que é detentora de 100% do capital da SPE Santa Maria. O Brasil é o maior mercado de energia da América Latina e o terceiro do mundo, atrás apenas de China e Estados Unidos.
   

Ansa - Brasil   
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade