PUBLICIDADE

Rússia finaliza investigação contra três militantes do Greenpeace

24 dez 2013 - 08h35
(atualizado às 09h13)
Ver comentários

A justiça russa informou a três militantes do Greenpeace, acusados de vandalismo por uma ação de protesto no Ártico, sobre o fim da investigação contra eles, em aplicação da lei de anistia aprovada pelo Parlamento russo na semana passada, indicou nesta terça-feira à AFP uma porta-voz da ONG.

"Três pessoas já foram notificadas sobre o fim das ações judiciais. Esperamos que nos próximos dias, até o fim da semana, os 30 casos sejam encerrados e as autorizações para sair do país sejam fornecidas", declarou a porta-voz. A brasileira Ana Paula Maciel figura entre os trinta militantes processados.

 

AFP Todos os direitos de reprodução e representação reservados. 
Publicidade
Publicidade