PUBLICIDADE

PTB quer lançar Daniel Silveira como candidato ao Senado pelo RJ

O deputado federal foi condenado à prisão pelo STF, mas recebeu perdão presidencial de Bolsonaro; candidatura depende de disputa judicial

28 abr 2022 11h30
| atualizado às 12h22
ver comentários
Publicidade
Deputado Federal Daniel Silveira
Deputado Federal Daniel Silveira
Foto: Wallace Martins / Futura Press

O diretório estadual do PTB no Rio de Janeiro pretende lançar o deputado federal Daniel Silveira na disputa para o Senado pelo Estado. O parlamentar foi condenado a oito anos e nove meses de prisão pelo Supremo Tribunal Federal (STF), mas o cumprimento da pena é incerto devido ao perdão concedido a ele por decreto do presidente Jair Bolsonaro.

Após a condenação pelo Supremo, Silveira passou a integrar, nesta terça-feira, 27, o colegiado mais importante da Câmara, a Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), que tem a atribuição de analisar a cassação de deputados, entre outras atribuições. Ele também se tornou vice-presidente da Comissão de Segurança Pública. Ao todo, o parlamentar foi indicado a cinco comissões na Casa.

Segundo o perfil do deputado no site da Câmara, até hoje, Silveira só havia participado da subcomissão de geração de energia elétrica, em 2019. O deputado tem sido tratado como estrela pelo partido após o embate com o STF, que também o alçou ao posto de vice-líder da bancada no início de abril.

Silveira foi condenado devido a uma série de vídeos em que ele destinava ofensas e ameaças aos ministros da Corte. Ele chegou a ser preso em fevereiro de 2021, mas conseguiu liberdade mediante medidas cautelares. Recentemente, o ministro Alexandre de Moraes, do STF, determinou que ele usasse tornozeleira eletrônica pelo descumprimento de tais medidas, mas o deputado tem circulado pela Câmara sem o dispositivo.

Estadão
Publicidade
Publicidade