PUBLICIDADE

Política

Lula diz que Padilha tem a missão mais difícil do governo: coordenar a política no Congresso

Presidente afirma que é preciso conversar com parlamentares porque "na política é assim"

21 jun 2024 - 18h40
Compartilhar
Exibir comentários

BRASÍLIA - O presidente Luiz Inácio Lula da Silva disse que o ministro das Relações Institucionais, Alexandre Padilha, tem "a missão mais difícil" do governo por lidar com o Congresso Nacional. A declaração ocorreu nesta sexta-feira, 21, durante evento no Maranhão com o governador Carlos Brandão (PSB) e aliados. Ao cumprimentar cada ministro, Lula fez uma descrição particular para Padilha.

"Quero cumprimentar o meu companheiro Alexandre Padilha, que tem a missão mais difícil, que é tentar coordenar todas as coisas políticas lá no Congresso Nacional. E nem sempre é fácil", disse o presidente, que recebeu um aceno de volta do ministro.

Em outro momento, Lula também pregou o diálogo com diferentes forças políticas e lembrou que o PT tem apenas cerca de 70 deputados entre os 513.

"A gente tem que conversar porque política é assim. Para votar alguma coisa é preciso de 257 deputados. Tem que conversar, ouvir crítica e chegar num acordo", disse Lula.

O petista visita o Maranhão para anunciar a expansão da Avenida Litorânea, por meio do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC). Serão investidos R$ 237 milhões na obra.

Estadão
Compartilhar
Publicidade
Seu Terra












Publicidade