PUBLICIDADE

Bolsonaro sugere que está imune ao coronavírus

Mesmo sem ter tomado vacina contra a covid, o presidente fez a sugestão após realizar exame que mede taxa de anticorpos no sangue

2 set 2021 18h24
| atualizado às 19h21
ver comentários
Publicidade

Contrariando o entendimento de especialistas, o presidente Jair Bolsonaro sugeriu nesta quinta-feira, 2, que estaria imune ao coronavírus por já ter contraído a doença. Em cerimônia no Palácio do Planalto, Bolsonaro justificou a ideia no fato de ter feito um exame IGG, que mede a taxa de anticorpos no sangue.  

Jair Bolsonaro
Jair Bolsonaro
Foto: Ueslei Marcelino / Reuters

Cientistas, porém, afirmam que pessoas que já tiveram covid-19 apresentam IGG positivo, mas que isso não garante a imunidade contra a doença, já que o teste não consegue medir se os anticorpos estão funcionais nem a capacidade de neutralizar a entrada do vírus nas células. De acordo com os especialistas, a melhor forma de se proteger da doença é se vacinando - o que Bolsonaro, aos 66 anos, se recusa a fazer. "Ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, te mostrei meu IGG hoje, né? 991, não vou entrar em detalhes; obrigado Osmar Terra", disse Bolsonaro

 

Estadão
Publicidade
Publicidade