0

Auditor suspeito de participar de fraude trabalhou com secretário Haddad

12 nov 2013
10h19
atualizado às 10h23
  • separator
  • 0
  • comentários

Suspeito de participar do esquema de fraude ao ISS na Prefeitura de São Paulo, o auditor fiscal Eduardo Horle Barcellos, trabalhou cerca de três meses em 2013 na equipe de Antonio Donato, secretário de governo da gestão Fernando Haddad (PT). Segundo o jornal Folha de S Paulo, Donato ocupava uma sala no mesmo andar do prefeito.

Donato solicitou a transferência de Barcellos para pasta no dia 17 de Janeiro. O auditor permaneceu no cargo até abril, quando voltou à secretaria de Finanças. Ainda de acordo com a publicação, a transferência do auditor para a pasta do Governo ocorreu sem que tivesse sido publicada no Diário Oficial.

Anteriormente, uma apuração foi aberta na gestão Gilberto Kassab (PSD) para apurar denúncias de fraude no ISS, com a citação de Barcellos e outros suspeitos que acabaram presos no final de outubro. Quando foi aberta, a apuração contava com um parecer do ex-secretário de Finanças Mauro Ricardo sugerindo seu arquivamento, o que acabou acontecendo em fevereiro deste ano.

A assessoria de imprensa da gestão Fernando Haddad (PT), no entanto, afirmou que não havia indícios que comprometessem Eduardo Barcellos quando ele foi requisitado pelo secretário Antonio Donato para a pasta do Governo.

Segundo a prefeitura, Donato solicitou a transferência do auditor para sua pasta a pedido de Barcellos. Segundo a gestão Haddad, só "a partir de abril deste ano, com o cruzamento das informações da investigação patrimonial dos servidores, promovida pela Controladoria Geral do Município, ficou patente que ambos (Barcellos e Ronilson Rodrigues) eram suspeitos de irregularidades".

O auditor Ronilson Bezerra Rodrigues, suspeito de chefiar a fraude estimada em R$ 500 milhões, para a diretoria de finanças da SPTrans, também foi indicado por Donato e é investigado. Donato alega que conheceu Ronilson e Barcellos "porque ambos faziam a interação da gestão anterior com a Câmara Municipal".

Foto: Arte Terra

 

Veja também:

Fonte: Terra
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade