PUBLICIDADE

Patos de Minas: caso de raiva deixa autoridades sanitárias em alerta

Um bovino morreu devido a doença e a vigilância sanitária fez um bloqueio sanitário, por meio da vacinação de animais que vivem no entorno do local

22 fev 2022 20h28
ver comentários
Publicidade
A suspeita é que um morcego contaminado tenha mordido o bovino
A suspeita é que um morcego contaminado tenha mordido o bovino
Foto: Reprodução (Sistema Brasileiro do Agronegócio/SBA) / Estado de Minas

A raiva, doença que pode ser letal em humanos, foi identificada na área rural de Patos de Minas, no Alto Paranaíba. A informação foi confirmada nesta terça-feira (22/2) pela prefeitura. O vírus foi identificado em um bovino encontrado morto na comunidade de Basílio, próximo ao Distrito de Areado. As autoridades sanitárias estão em alerta.

Segundo a vigilância sanitária, o animal foi encontrado morto na semana passada e exames confirmaram a doença. A suspeita é que o bovino tenha sido mordido por um morcego contaminado com o vírus da raiva. O maior temor é que haja a contaminação em humanos, já que a doença compromete o sistema nervoso central e pode levar à morte caso não seja diagnosticada e tratada a tempo.

Diante da iminência de surto da doença em Patos de Minas, foi realizado um bloqueio antirrábico, que consiste na vacinação de cães e gatos num raio de 5 km da fazenda onde houve a infecção. Foram vacinados 326 cães e 111 gatos. Parte deles já havia sido imunizado durante a Campanha Antirrábica de 2021, ocorrida no segundo semestre, mas foram revacinados conforme orientações dos órgãos estaduais de saúde animal.

"É importante destacar que a vacinação de bovinos e equinos contra a raiva passou a ser obrigatória, por conta do proprietário dos animais, embora não seja obrigatória a declaração junto ao Instituto Mineiro de Agropecuária (IMA). De toda forma isso muito ajudará para evitar ocorrências como essa", explicou a diretora da Vigilância em Saúde de Patos de Minas, Lílian Marinho.

O que é a raiva?

Segundo o Ministério da Saúde, a raiva é uma doença infecciosa viral aguda grave, que acomete mamíferos, inclusive o homem, e caracteriza-se como uma encefalite progressiva e aguda com letalidade de aproximadamente 100%. É causada pelo vírus do gênero Lyssavirus, da família Rabhdoviridae.

Como é transmitida a raiva em animais?

A raiva é transmitida pelos morcegos que se alimentam de sangue (hematófagos), estando o vírus na saliva que ele transmite ao sugar outros mamíferos, como equinos, bovinos, cães e gatos. Esses animais domésticos são os principais agentes de transmissão para os seres humanos.

Como é transmitida a raiva em humanos?

A raiva é transmitida ao homem pela saliva de animais infectados, principalmente por meio da mordedura, podendo ser transmitida também pela arranhadura e/ou lambedura desses animais.

Quais são os sintomas em humanos?

Após a exposição ao vírus existe um período de incubação. Ele é variável entre as espécies, desde dias até anos, com uma média de 45 dias no ser humano, podendo ser mais curto em crianças.

Os principais sintomas são:

·         mal-estar geral;

·         pequeno aumento de temperatura;

·         anorexia;

·         cefaleia;

·         náuseas;

·         dor de garganta;

·         entorpecimento;

·         irritabilidade;

·         inquietude;

·         sensação de angústia.

Tenho sintomas da raiva, o que fazer?

Procure imediatamente uma unidade de saúde. Se você tiver condições se locomova até a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) ou até um Posto de Saúde. Em caso de urgência ligue para o SAMU (192) ou para o Corpo de Bombeiros (193).

Estado de Minas
Publicidade
Publicidade