3 eventos ao vivo

Pesquisa: início do mandato de Bolsonaro é aprovado por 40%

Levantamento XP Ipespe mostra ainda que 62% aprovam a montagem do governo e as primeiras medidas anunciadas, contra 29% que desaprovam

17 jan 2019
08h06
atualizado às 08h52
  • separator
  • comentários

O governo do presidente Jair Bolsonaro tem 40% de avaliação ótima ou boa e 20% de ruim ou péssima no início do mandato, de acordo com pesquisa XP Ipespe divulgada nesta quinta-feira (17).

Outros 29% consideram o início da gestão regular, enquanto 11% não souberam opinar ou não responderam, no primeiro levantamento XP Ipespe sobre a popularidade do governo desde a posse de Bolsonaro em 1º de janeiro.

Presidente Jair Bolsonaro em cerimônia no Palácio do Planalto 15/01/2019 REUTERS/Ueslei Marcelino
Presidente Jair Bolsonaro em cerimônia no Palácio do Planalto 15/01/2019 REUTERS/Ueslei Marcelino
Foto: Ueslei Marcelino / Reuters

Segundo o levantamento, realizado pelo telefone com 1.000 pessoas entre os dias 9 e 11 de janeiro, a expectativa para o restante do governo é ainda mais positiva. Para 63%, Bolsonaro fará um mandato ótimo ou bom, enquanto 15% consideram que será negativo.

A pesquisa apontou que 62% aprovam a montagem do governo e as primeiras medidas anunciadas, contra 29% que desaprovam, e mostrou que a maioria da população (58%) defende que as primeiras medidas enviadas ao Congresso tratem sobre segurança pública.

O levantamento apontou ainda que 37% tem uma avaliação negativa do novo Congresso Nacional, que tomará posse em 1º de fevereiro, enquanto 34% o consideram regular e 17% disseram considerar ótimo ou bom.

A pesquisa foi preparada pela XP Investimentos em parceria com o Instituto de Pesquisas Sociais, Políticas e Econômicas (Ipespe), e tem margem de erro de 3,2 pontos percentuais.

Veja também:

 

Reuters Reuters - Esta publicação inclusive informação e dados são de propriedade intelectual de Reuters. Fica expresamente proibido seu uso ou de seu nome sem a prévia autorização de Reuters. Todos os direitos reservados.

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade