0

Quadrilha com fuzis explode bancos e leva terror a Mococa

O principal alvo do bando foi a agência da Caixa Econômica Federal, que teria recebido aporte extra para pagar o auxílio emergencial

7 abr 2021
08h08
atualizado às 08h17
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

Uma quadrilha fortemente armada invadiu a cidade e usou explosivos para atacar três agências bancárias, na madrugada desta quarta-feira, 7, em Mococa, interior de São Paulo. Os criminosos fizeram disparos a esmo para assustar os moradores. O principal alvo do bando foi a agência da Caixa Econômica Federal, que teria recebido aporte extra de dinheiro para pagar o auxílio emergencial. Segundo a Polícia Militar, os bandidos atacaram também as agências dos bancos Mercantil e Santander.

A quadrilha usava carros de luxo e tinha armamento pesado
A quadrilha usava carros de luxo e tinha armamento pesado
Foto: Reprodução/Twitter / Estadão

Os tiros de fuzil e as explosões assustaram os 69 mil moradores da cidade, que fica no extremo norte do estado, na divisa com Minas Gerais. Os bandidos alvejaram uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA) e os estilhaços dos vidros feriram um guarda municipal que estava no local. Após os ataques, os criminosos fugiram sem entrar em confronto com as forças policiais, deixando cápsulas de projéteis espalhadas pela cidade.

De acordo com o prefeito Eduardo Barison (PSD), a quadrilha usava carros de luxo e tinha armamento pesado. Durante o ataque, o prefeito usou as redes sociais para pedir aos moradores que não saíssem de casa e se protegessem contra balas perdidas. Até a manhã desta quarta, não havia informações sobre o montante de dinheiro levado pelos criminosos. A Polícia Civil investiga se a quadrilha é a mesma que realizou outros assaltos semelhantes em Araraquara, Ourinhos e Botucatu, também no interior paulista.

Veja também:

PRF prende pai e filho transportando quase meia tonelada de maconha no Paraná
Estadão
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade