PUBLICIDADE

Frente fria chega ao Sudeste e terá maior impacto em 3 estados; confira a previsão

Chuvas devem iniciar a partir da noite desta terça-feira (5), e a partir de quarta-feira, o clima tende a ficar instável em grande parte da região

5 mar 2024 - 11h49
Compartilhar
Exibir comentários
Frente fria chega ao Sudeste e terá maior impacto em 3 estados; confira a previsão
Frente fria chega ao Sudeste e terá maior impacto em 3 estados; confira a previsão
Foto: INMET / Perfil Brasil

Uma frente fria proveniente do Sul deve alterar as condições meteorológicas no Sudeste do Brasil ao longo desta semana. Segundo o Climatempo, as chuvas devem iniciar a partir da noite desta terça-feira (5), e a partir de quarta-feira, o clima tende a ficar instável em grande parte da região.

Maria Clara Sassaki, porta-voz do Climatempo, explica ao site g1 que os temporais previstos para a noite de terça-feira e madrugada de quarta-feira são conhecidos como "pancadas pré-frontais".

"São aquelas pancadas de chuva forte, que acontecem por conta da aproximação da frente fria. Só na quarta e quinta devemos ver um tempo mais fechado, com chuva a qualquer momento", afirma ao g1.

Os modelos meteorológicos do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) indicam que haverá grandes acumulações de chuva no Sudeste a partir da noite de terça-feira.

Todos os estados da região devem ter chuvas devido à aproximação da frente fria, porém, a mudança no clima será mais significativa em São Paulo, Rio de Janeiro e sul de Minas Gerais.

Em São Paulo, a capital paulista pode enfrentar fortes pancadas de chuva com a chegada da frente fria. O risco de ventania é alto, com rajadas que podem atingir até 90 km/h.

O Centro Nacional de Monitoramento e Alertas de Desastres Naturais (Cemaden) emitiu um alerta de risco hidrológico moderado devido às chuvas no Sudeste a partir desta terça-feira.

De acordo com o órgão, o litoral Sul paulista, a Região Metropolitana de São Paulo, a Zona da Mata e a Região Metropolitana de Belo Horizonte podem enfrentar inundações de pequenos córregos e alagamentos em áreas urbanas devido às pancadas de chuva causadas pela frente fria.

 * Sob supervisão de Lilian Coelho 

Perfil Brasil
Compartilhar
Publicidade
Publicidade