PUBLICIDADE

Nath Finanças e Martn’alia: acompanhe palestras e shows da Feira Preta 2024 desta sexta

Evento que celebra cultura negra acontecerá durante três dias no Parque do Ibirapuera, em SP, e tem o Terra como parceiro de mídia oficial

3 mai 2024 - 05h00
(atualizado às 09h40)
Compartilhar
Exibir comentários
Expectativa é que a maior edição do festival reúna 50 mil pessoas
Expectativa é que a maior edição do festival reúna 50 mil pessoas
Foto: Reprodução: Instagram/nathfinancas

O Festival Feira Preta 2024 está de cara nova. Com o tema “Ser feliz é a nossa revolução”, o maior evento de cultura negra da América Latina  – que acontecia todos os anos em novembro, mês da consciência negra – agora será nos dias 3, 4 e 5 de maio e em um novo lugar: no Parque do Ibirapuera, em São Paulo. O Terra segue sendo o parceiro de mídia oficial do evento, ampliando a visibilidade e as vozes do povo negro em transmissão online exclusiva no portal.

O Festival Feira Preta, que está em sua 22ª edição, é o único de seu porte idealizado e realizado por uma mulher negra brasileira, Adriana Barbosa, que há mais de 20 anos potencializa a cultura, o entretenimento e o empreendedorismo negros. 

“O Festival foi um dos principais movimentos a pautar o mês de novembro e propor para a comunidade negra um espaço seguro, potente e de celebração. Agora em maio, queremos construir outra narrativa para um período onde pouco se fala sobre as potências negras, convocando o mercado a incentivar eventos voltados à comunidade durante todo o ano. Um dos nossos diferenciais também é dialogar com diferentes gerações. Recebemos a jovem, sua mãe e sua avó. Isso é uma exclusividade muito bonita do Festival”, explica Adriana. 

Entre os grandes nomes confirmados há destaques como Martn’alia na sexta-feira, Marcelo D2, com Maria Rita, Arlindinho e Leci Brandão no sábado, Luedji Luna, Preta Gil e Majur no domingo, rodas de samba e blocos afro paulistanos convidando blocos da Bahia.

Além dos grandes shows, faz parte da programação talks, desfiles de moda, intervenções artísticas, espaço de beleza, programação infantil, ativações de marca, mapping. Serão quatro palcos, sendo três de shows e um dedicado a talks, que reunirá grandes artistas e formadores de opinião negros do Brasil, demais países das Américas, Europa e África. Confira:

3 de maio, sexta-feira

Auditório Ibirapuera

Programação Especial para Empreendedores 

9h30 - A força do Empreendedorismo Negro na América Latina com Sophia Otto (Schwab Foundation), Eddy Bermudez (CAF América Latina), Estefanía Laterza (CAF Brasil) e Epsy Campebell (Costa Rica).

10h30 - MOVER Apresenta: Como fornecer para as grandes empresas.

11h30 - Transformação Digital: Inteligência Artificial para pequenos e médios negócios com Pedro Afonso Oliveira (Atomcore Studio) + Kety Kim Farafina.

13h15 - Investimentos: Como acessar Linhas de Crédito para o Meu Negócio com Aline Odara (Fundo Agbara), Fernanda Leôncio (Conta Black), Rodrigo Ferreira (Grupo Gaia) Mariane Salvador (Estímulo), Marcelo Rocha (ANIP), Marcos Nascimento (BNDES) e Jessica Rios (Black Win).

15h15 - Prosperidades Preta: Finanças para Empreendedores com Nath Finanças, Dina Prates, Gabi No Front, Mari Ferreira (Tostão Furado).

16h30 - Movimento LED e Festival Feira Preta apresentam: Motivação, Inspiração e 

Realização: A experiência de ser Empreendedor de si. Jordana Araújo (Globo/SporTV), Luiz Medina Guarani, Fred Nicácio, Ana Paula Xongani.

Palco Asé Mercado Livre (área gratuita)

12h30 - Slam Marginalia e Slam OZ

13h - Afrolab Música apresenta: Ane Êoketu, Jann Sousa, Siamese, Thaira Mainah e Thais

18h - Meninos Oré Oré

19h - Mart'nalia

4 de maio, sábado

Palco Orí Doritos (área paga)

12h30 - Slam das Minas SP + Slam das Minas RJ

13h - Afrolab Música apresenta: Ane Êoketu, Jann Sousa, Siamese, Thaira Mainah e Thais Badu

14h35 - Tasha e Tracie convidam Mc Luanna e Duquesa

15h45 - Stand Up com Niny Magalhães

17h35 - Dona Onete & Lia de Itamaracá

20h25 - Marcelo D2 homenageia Arlindo Cruz e convida Arlindinho, Leci Brandão e Maria Rita 

Palco Ginga Budweiser (área paga)

13h30 - Festival Latinidades realiza Batalha de MC's

16h35 - Festival PSICA realiza o Rock Doido

19h20 - Batekoo convida DJ Evehive

Palco Asé Mercado Livre (área gratuita)

12h35 - Zumbiido convida Ilê Aiyê

14h10 - Apresentação de dança com Rubens Oliveira

15h35 - Prettos no Pagode convida Fabiana Cozza

18h40 - Resenha da Nala convida A Dama

Palco Ayo VIVO, no Museu Afro

14h - O Poder das Artes Negras: Como estamos contando nossas histórias com Aline 

Motta, Moisés Patrício, Tiago Santana e Lorraine Mendes.

15h - Identidades na Moda: O Encontro das Tendências com a Ancestralidade com Goya Lopes, Dete Lima (Ilê Aiyê), Lia Samantha (Colômbia), Isa Silva (Isaac Silva Brand)

16h - Negritudes GLOBO: A Felicidade como Potência no Audiovisual

17h - Bioma Comunicação Ancestral: Por uma Transformação na Cultura do Comunicar com Helena Teodoro, José Neto (Zé na Rede), Juliana Gonçalves (Bioma Comunicação Ancestral) e Bobby Jones (USA). 

05 de maio, domingo

Palco Orí Doritos (área paga)

14h35 - Baile da Preta convida Majur e Valéria Barcellos

15h45 - Stand Up com Jhordan Matheus

17h35 - ÀTTØØXXÁ convida Rincon Sapiência e Larissa Luz

20h25 - Luedji Luna convida Dino D'Santiago

Palco Ginga Budweiser (área paga)

12h55 - Slam da Guilhermina + Slam Xamego

13h30 - Bronx convida Zudizilla e Karol Conká

16h30 - Baile Black Bom convida Dom Filó

19h25 - Afro Lovers convida Da Grace

Palco Asé Mercado Livre (área gratuita)

12h35 - Ilu Obá de Min convida Didá Banda Feminina

14h35 - Apresentação de dança com o Bloco Magia Negra, de Belo Horizonte (MG)

15h35 - Sambadela convida Mannda Lym

18h40 - Cacique de Ramos

Palco Ayo (área gratuita, no Museu Afro)

14h - Longevidade Negra e Bem Viver: Envelhecer é um privilégio? com Wladia Goes e Didi Couto.

15h - O Poder das Conexões Afrodiaspóricas com Kamil Olufowobi (Nigéria), Kwevi Quaye (USA), José Luis Seijas (UK), Dami Falade (Nigéria) e Carolina Maira Moreira.

16h - Literaturas Negras: Como estamos contando nossas histórias? com Cristiano 

Wapichana, Velia Vidal Romero (Colômbia), Kunle Afolayan (Nigéria) e Cori Murray (USA).

17h - Criatividades Pretas: A Influência Cultural dos Festivais da Diáspora com Alif Naaba (Festival Rema - Burkina Faso), Dino D'Santiago (Festival Lisboa Crioula - Portugal), Fabio Arboleda (Negro Fest - Colômbia), Hope Azeda (Ubumuntu Arts Festival - Ruanda), Jaqueline Fernandes (Festival Latinidades), Jeft Dias (Festival Psica), Gerson Dias (Festival Psica), Arthur Santoro (Batekoo) e Adriana Barbosa.

O Festival Feira Preta será realizado no modelo freemium, baseado na criação e disponibilização de espaços gratuitos e pagos, ambos com shows de grandes artistas pretos reconhecidos na cena musical, ativações de marcas, feira de empreendedores, palestras e espaço gastronômico.

O Festival

Fundado em 2002, o Festival Feira Preta nasceu para a venda de produtos e serviços de empreendedores negros. Ao longo desses 21 anos, mais de 250 mil pessoas, 7 mil artistas, 3 mil empreendedores do Brasil e de outros países da América Latina já passaram pelo evento. No formato online, em 2020 e 2021, foram mais de 65 milhões de views. Ao todo, com as vendas de produtos e serviços de afroempreendedores, o Festival movimentou mais de R$ 15 milhões diretamente.

“O Festival Feira Preta é um lugar onde podemos ser quem desejamos, existir sem medo, ser e nos reconhecermos abundantes. E é por este motivo que reestruturamos nosso festival para se tornar algo ainda maior e possível de experiências, trocas e felicidades coletivas”, celebra Adriana.

Painel do Terra na Feira Preta debate protagonismo negro no audiovisual:
Fonte: Redação Nós
Compartilhar
TAGS
Publicidade
Seu Terra












Publicidade