PUBLICIDADE

Denúncias de exploração sexual infantil na internet batem recorde

Número de casos é o maior em 15 anos; casos de intolerância religiosa e xenofobia também tiveram um aumento significativo O post Denúncias de exploração sexual infantil na internet batem recorde apareceu primeiro em AlmaPreta.

7 fev 2024 - 13h31
Compartilhar
Exibir comentários
Duas crianças brincando sentadas.
Duas crianças brincando sentadas.
Foto: Alma Preta

Em 2023, foram registradas mais de 71 mil denúncias de imagens de abuso e exploração sexual infantil na internet, o maior registro em 15 anos.

O número foi divulgado nesta terça-feira (6) pela ONG Safernet e representa um aumento de 77,1% em relação a 2022. O último recorde havia sido registrado em 2008, com 56.115 denúncias.

A quebra de recorde também se deu na somatória de todos os casos de violações aos direitos humanos recebidas pela ONG. Ao todo, a iniciativa contabilizou cerca de 101.313 queixas, sendo a maior de exploração sexual infantil.

Houve um aumento também nas denúncias de xenofobia, om um salto de 252,25%, e de intolerância religiosa, com 29,97%.

Em nota à imprensa, Thiago Tavares, fundador e diretor-presidente da Safernet, pontuou os fatores que levaram ao aumento de denúncias absolutas. Para ele, as demissões em massa das empresas de tecnologia influenciaram o trabalho de moderação nas redes sociais.

"Uma combinação de fatores explicam o aumento: 1) a introdução da IA generativa para criação desse tipo de conteúdo; 2) a proliferação de packs com imagens de nudez e sexo autogeradas por adolescentes; 3) demissões em massa anunciadas pelas big techs, que atingiram as equipes de segurança, integridade e moderação de conteúdo de algumas plataformas", comenta.

A única queda de denúncias contabilizada pela organização foi nos casos de racismo e LGBTfobia, tendo um recuo de 20,36% e de 60,57%, respectivamente, em relação ao ano anterior.

O post Denúncias de exploração sexual infantil na internet batem recorde apareceu primeiro em AlmaPreta.

Alma Preta
Compartilhar
Publicidade
Publicidade