PUBLICIDADE

Resident Evil Village: 10 dicas para começar bem no jogo

Confira as melhores dicas para curtir Resident Evil Village, sem spoilers

7 mai 2021 14h50
| atualizado às 14h51
ver comentários
Publicidade

Resident Evil Village chegou hoje, dia 7 de maio, e promete levar os jogadores para áreas obscuras de uma vila cheia de lobisomens e um castelo com vampiras de 3 metros de altura. Acha que não dá conta do recado? A gente te dá uma mãozinha com algumas dicas essenciais para você arrasar na sua jogatina.

E antes de tudo é sempre bom lembrar que este texto está completamente livre de spoilers, então a sua experiência na história não será prejudicada.

Mate todos os inimigos

Foto: Capcom

Sim, exatamente isso que você leu. Se em Resident Evil 7 o jogador tinha que escolher muito bem os embates que iria travar, Village leva esse conceito para o lado oposto. No game os inimigos dropam (expressão que significa deixar cair um objeto) itens no chão, seja em Lei, a moeda do jogo, ou em prêmios. 

Tanto os prêmios quanto a Lei podem ser trocados com o Duque, personagem que realiza o papel de comerciante para comprar e vender itens para o jogador. Por exemplo, ao derrotar 4 inimigos podemos conseguir uma quantidade de 2000 Lei, retornar ao Duque e trocar essa quantidade de Lei por mais munição, caso tenha no estoque. Portanto, trate de eliminar todos os inimigos em todas as áreas. 

Explore muito o cenário

Foto: Capcom

Complementando a dica anterior, a franquia Resident Evil é amplamente conhecida por seus inúmeros atalhos e segredos distribuídos pelo mapa. Em Village as coisas não são nada diferentes e é quase que uma obrigação do jogador vasculhar cada cantinho das casas e cômodos em busca de itens.

Com o uso da faca podemos quebrar caixas com fitas amarelas ou vasos brancos no Castelo Dimitrescu, embora outros vasos de formas e cores diferentes também possam esconder itens. Preste muita atenção em cada armário e gavetas, pois é possível que haja algum objeto oculto nelas. 

Administre a munição

Foto: Capcom

 Essa dica é de extrema importância para as primeiras horas do game, enquanto ainda vamos pegando o ritmo de Resident Evil Village. Identifique as fraquezas dos inimigos e atire principalmente naquelas áreas, não desperdiçando sua munição em locais que não faz tanta diferença.

O grande segredo está na criação de balas. No Duque podemos comprar “receitas” de como fazer munição de shotgun, por exemplo. Dessa forma o jogador não fica dependente apenas do que o cenário te oferece ou do que há de disponível no estoque do comerciante. Mas fique ligado, para criar munição é necessário combinar insumos como pólvora e fragmentos de ferro, que são encontrados durante a exploração do cenário.

Venda o que você não usa

Foto: Capcom

Os trailers de Resident Evil Village já revelaram que teríamos o retorno da clássica maleta de guardar itens de Resident Evil 4, e de fato ela está muito bem no jogo. A grande dica aqui mata dois coelhos – ou lobisomens – numa cajadada só. É importante vender itens que ocupem muito espaço no inventário e que você talvez não use.

Ao decorrer da campanha podemos encontrar armas similares das quais nós já possuímos, e que usam da mesma munição para funcionar. Portanto, não é tão vantajoso utilizar duas armas com a mesma função. A solução é vender o que você não precisa para o Duque e receber boas quantias de Lei em troca, acumulando cada vez mais dinheiro para realizarmos mais melhorias nas armas.

Confunda os inimigos

Foto: Capcom

Sabemos que jogos mais voltados ao terror colocam o jogador em situações extremas, com muitos inimigos e pouco munição. E aí, o que fazer? Na busca pela sobrevivência remanesce o mais esperto: corra! Na verdade, não somente corra como também confunda os seus inimigos.

Os cenários de Resident Evil Village não são super fechados e claustrofóbicos quanto os de seu antecessor, dando margem para que o jogador ludibriar as criaturas, entrando em atalhos, frestas, fechando portas com armários, etc. Geralmente os ambientes são mais abertos, então o segredo é não ficar parado esperando a morte certa.

Retorne por onde você já passou

Foto: Capcom

Pode até parecer repetitivo, mas Resident Evil Village prega peças no jogador. Durante minha jornada um determinado local parecia estar completamente limpo de qualquer item, e de fato estava. Porém, horas depois, na busca por encontrar meu objetivo eu acidentalmente passei pela mesma área e lá havia uma grande quantidade de munição da arma mais forte do game.

A moral da história é que nada está completamente limpo. Sempre retorne em áreas anteriores, seja com uma chave para abrir uma porta trancada ou com uma nova ideia de como liberar um atalho especial. Nós garantimos: você irá se surpreender.

Use bem as máquinas de escrever

Foto: Capcom

As máquinas de escrever eram utilizadas para salvar o progresso do jogador nos primeiros games da série, mas o conceito acabou se perdendo, pois era necessário ter ink ribbons, os famosos e escassos cartuchos de tinta.

Village retorna com as máquinas de escrever, mas deixa esses itens de lado. A principal dica é fazer o usufruto desses espaços para save e realizar múltiplos salvamentos em todas as áreas do game.

Dessa forma se você salva o game e passa por uma área muito difícil, com muitos inimigos ou um chefão barra pesada, basta abrir o seu save anterior, se equipar com muita munição e cura, estudar as fraquezas do seu adversário e partir para mais uma batalha.

Não enfrente a mulher alta

Foto: Capcom

Se tem uma coisa que Resident Evil ensina aos jogadores é a milenar arte de fugir de monstros intimidadores e que emitem passos altos. Lady Dimitrescu, uma das grandes antagonistas do game, irá perseguir Ethan Winters incansavelmente em seu castelo, e não há nada que você possa fazer para pará-la.

Assim como Mr. X e Nemesis de Resident Evil 2 e 3 Remake, respectivamente, os grandalhões de quase 3 metros de altura são verdadeiros blindados, sendo parados apenas com armas específicas por alguns segundos. Esconda-se de Dimitrescu em salas, passe por atalhos que constrói ao longo dos cômodos e ande abaixado para não fazer barulho. E boa sorte com isso.

Deixe seu inimigo fraco

Foto: Capcom

Embora Resident Evil Village não seja tão persistente nesse aspecto, o game dá ao jogador a oportunidade de deixar os inimigos mais fracos. Já na demo era perceptível que as criaturas conseguiam empunhas lançar, espadas e machados, então atirar nos braços que eles seguram essas armas reduz o raio de alcance e a intensidade dos ataques.

Também podemos tentar desacelerar alguns oponentes com tiros nas pernas, mas não é tão eficaz quando os desmembramentos de Resident Evil 2 Remake. Na dúvida acerte bons tiros na cabeça e você não terá problemas.

Consulte o seu mapa

Foto: Capcom

Por fim, nossa última dica é mais uma relacionada ao cenário, ou melhor dizendo, a como não se perder nele. O game não é necessariamente um mundo aberto, mas também não é um título super linear, portanto, alguns jogadores podem se sentir um pouco perdidos para encontrar seus objetos.

Fique atento no seu mapa e procure pelas portas que você precisa destrancar, a localização de áreas-chave, onde está o Duque, mas principalmente veja a cor do mapa. Se determinada área estiver vermelha significa que ainda há itens escondidos esperando para serem coletados. Se estiver azul é porque você já fez a limpa no local.

E aí, o que achou das nossas 10 dicas para começar arrasando em Resident Evil Village? Aproveita e dá uma olhada no review, que aponta o game com um dos jogos obrigatórios para ser jogado em 2021.

Fonte: Equipe portal
Publicidade
Publicidade