PUBLICIDADE

FIFA Ultimate Team faturou US$ 3 mil por minuto em 2020

Modalidade com compra de cartas rendeu mais de US$ 8 bilhões até março deste ano para a EA

28 mai 2021 10h41
ver comentários
Publicidade
FIFA 21
FIFA 21
Foto: Divulgação/EA

A Electronic Arts ganhou US$ 1.62 bilhões no último ano só com a venda de pacotes de cartas nos modos Ultimate Team de seus games de esporte. O valor foi divulgado no relatório financeiro divulgado esta semana pela empresa e representa um ganho de US$ 3 mil dólares por minuto, somente com o FIFA Ultimate Team, segundo estimativas do Engadget

Principal modalidade do FIFA atualmente, o FUT tem crescido ano após ano em faturamento: o faturamento deste modo de jogo em 2919 foi de US$ 1.49 bilhões e US$ 1.37 bilhões no mesmo período do ano anterior.

 

 

A receita líquida vinda das microtransações no FUT representa 29% do faturamento total dos jogos da série, que foi de US$ 5.6 bilhões em 2020.

Polêmica das Loot Boxes

Apesar do faturamento elevado dos jogos da empresa, diversos reguladores em todo o mundo estão de olho na questão das “loot boxes” - caixas de itens em jogos que, quando abertas, garantem prêmios aleatórios.

Críticos apontam que elas são uma forma de jogos de azar: no FIFA Ultimate Team os jogadores ganham packs dentro do jogo ou podem comprar os pacotes com dinheiro real e os atletas que recebem ao abrirem os packs são determinados aleatoriamente.

FUT 21 - FIFA
FUT 21 - FIFA
Foto: Divulgação/EA

A Bélgica baniu as loot boxes em 2018 e outros países estão considerando tomar medidas contra a prática. Aqui no Brasil a Associação Nacional dos Centros de Defesa da Criança e do Adolescente (ANCED) abriu sete ações judiciais contra empresas de games. Os processos pedem a proibição da venda de loot boxes.

FIFA 21 está disponível para PC, PS4, PS5, Xbox One e Xbox Series X/S.

Fonte: Game On
Publicidade
Publicidade